Você pode ter uma renda semanal de até 500 dólares na sua conta; descubra como aqui

Ruy Hungria
Sextou com o Ruy
Ruy Hungria
É formado em Física e especialista em bolsa e opções na Empiricus
SEXTOU COM O RUY

Como pensar diferente e evitar o efeito manada no mercado financeiro

3 de fevereiro de 2023 - 6:09

Às vezes uma ação, uma criptomoeda ou qualquer outro ativo está subindo 1.000% no ano e não existe qualquer fundamento que sustente essa alta. Não há motivos para investir no papel, mas é difícil agir contra o comportamento da massa e ser o único “doido” a escolher ficar de fora da festa.

SEXTOU COM O RUY

Adeus, petróleo? Por que uma Petrobras “do bem” não é necessariamente boa notícia para os acionistas

27 de janeiro de 2023 - 6:04

A estatal está entre as maiores e melhores do mundo em exploração e produção, tem ativos de extrema qualidade e capacidade financeira — mas as vantagens competitivas somem quando o assunto é energia renovável

SEXTOU COM O RUY

Quando a maré baixa é que você vê quem está nadando Nu. Que o diga o fundo do Nubank

20 de janeiro de 2023 - 6:07

Foi isso o que aconteceu com investidores do fundo Nu Reserva Imediata, o “caixinha” do Nubank

SEXTOU COM O RUY

A grande lição que Lemann já sabia e você pode aprender com o rombo bilionário da Americanas (AMER3)

13 de janeiro de 2023 - 6:01

Nem os analistas mais bem pagos da Faria Lima nem uma das auditorias mais consagradas do mundo foram capazes de descobrir os problemas no balanço da Americanas. Então o que fazer?

SEXTOU COM O RUY

Se não pode derrotá-lo, junte-se a ele — mas com moderação

6 de janeiro de 2023 - 6:06

Não vejo problema algum se você quer ter até 80% do seu patrimônio em renda fixa neste momento, mas abrir mão de ter ações na carteira só porque os últimos trimestres não têm sido favoráveis pode atrapalhar bastante os seus objetivos financeiros de longo prazo

SEXTOU COM O RUY

Outras lições de 2022: juros altos, desvalorização e dividendos — a matemática do investimento em ações

30 de dezembro de 2022 - 6:08

É preciso evitar ao máximo as armadilhas, especialmente daquelas ações que parecem já ter chegado no fundo do poço. O ano de 2022 fez questão de nos lembrar que o fundo do poço tem porão.

SEXTOU COM O RUY

As lições de 2022: como fazer bons investimentos num cenário com tantas incertezas?

23 de dezembro de 2022 - 6:11

O ano de 2022 e suas diversas turbulências servem, ao menos, como lição: é preciso planejar os investimentos para os cenários adversos

Sextou com o Ruy

Empresas de dono ou com capital pulverizado: qual a melhor opção para investir na bolsa?

16 de dezembro de 2022 - 6:00

Capital pulverizado e gestão profissional são considerados boas práticas de governança, mas para o acionista, ações de companhias com controle definido podem trazer retornos formidáveis

SEXTOU COM O RUY

Quer uma ação sólida na defesa e eficiente no ataque? Conheça o papel que é titular absoluto no meio-campo

9 de dezembro de 2022 - 6:04

Assim como Casemiro, jogador da nossa seleção, essa ação carrega características defensivas, mas conta com gatilhos para ir ao ataque e entregar boas valorizações

SEXTOU COM O RUY

Por que apostar no favorito raramente vale a pena na Copa do Mundo ou na bolsa — e como encontrar as ‘zebras’ da B3

2 de dezembro de 2022 - 6:07

Em ambos os casos, a grande virtude está em encontrar as distorções entre os retornos de cada cenário e a real probabilidade de eles acontecerem

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies