🔴 É HOJE! COMO COMPRAR CARROS COM ATÉ 50% DE DESCONTO NA TABELA FIPE – CONHEÇA A ESTRATÉGIA

Camille Lima
Camille Lima
Repórter no Seu Dinheiro. Estudante de Jornalismo na Universidade Municipal de São Caetano do Sul (USCS). Já passou pela redação do TradeMap.
MAGNATA INDONÉSIO

Como este bilionário que você provavelmente não conhece transformou uma fortuna de US$ 5 bilhões em US$ 51 bilhões de em um ano

O magnata asiático da indústria de energia conseguiu multiplicar a sua fortuna em dez vezes em um ano; entenda o que aconteceu

Camille Lima
Camille Lima
16 de abril de 2024
19:33 - atualizado às 17:40
O bilionário Prajogo Pangestu
O bilionário Prajogo Pangestu - Imagem: Reprodução/Canva Pro/ Montagem Seu Dinheiro

Você provavelmente nunca ouviu falar no nome de Prajogo Pangestu, mas o empresário indonésio atraiu as atenções dos investidores nesta terça-feira por aparecer no topo na lista dos bilionários da Forbes — no caso, da pessoa cujo patrimônio aumentou mais no ranking diário da publicação.

Comumente fora dos holofotes, Pangestu engordou sua fortuna em US$ 3 bilhões (R$ 15,8 bilhões) em um único dia, de acordo com a Forbes.

Mas não é só o aumento patrimonial diário que chama a atenção. O magnata da indústria de energia conseguiu multiplicar a sua fortuna em quase 10 vezes em um ano, segundo a Forbes, transformando uma cifra de US$ 5,3 bilhões em 2023 nos atuais US$ 51,2 bilhões.

Desse modo, o fundador do gigante energético e industrial Barito Pacific Group atualmente é considerado a 26ª pessoa mais rica do mundo — e o homem mais endinheirado da Indonésia.

Atualmente, seus principais investimentos se estendem desde setores como a mineração até as operações de petróleo, gás e geotérmica. 

  • LEIA TAMBÉM: Casa de análise libera carteira gratuita de ações americanas pra você buscar lucros dolarizados em 2024. Clique aqui e acesse.

A história do maior bilionário da Indonésia

O magnata Prajogo Pangestu nasceu em 1944, em Bengkayang Regency, na província de Kalimantan Ocidental da Indonésia. Foi só em 1965 que Pangestu mudou-se para Jacarta, onde atualmente reside. 

No início da década de 1970, o indonésio começou a trabalhar na empresa madeireira Djajanti Group, do empresário Burhan Uray, conhecido como o "Rei da Madeira”. Lá, ele avançou na hierarquia e se tornou gerente geral de uma das divisões em 1976.

Em 1977, Prajogo deixou a Djajanti Group e se aventurou a abrir o seu próprio negócio madeireiro. Quase 16 anos depois, a empresa de Prajogo, a Barito Pacific Timber, se tornou a maior companhia da bolsa de valores de Jacarta.

Em 2007, o bilionário asiático decidiu mudar o nome de seu empreendimento para Barito Pacific, para refletir a diversificação dos negócios. No mesmo ano, a empresa adquiriu 70% da empresa petroquímica Chandra Asri.

Já em 2011, a Chandra Asri se fundiu com a Tri Polyta Indonesia, se consolidando o maior produtor petroquímico integrado da Indonésia. 

Em março de 2023, Pangestu abriu o capital de sua empresa de mineração de carvão, a Petrindo Jaya Kreasi. Seis meses depois, o empresário também listou a divisão de energia renovável, Barito Renewables Energy.

Vale destacar que Pangestu ainda detém o controle total da Star Energy, uma importante empresa de petróleo e gás e geotérmica na Indonésia.

A Barito Pacific ainda é proprietária do Transpacific Group, que detém uma participação de 80% na Transpacific Railway Infrastructure.

Como a fortuna disparou?

É importante lembrar que, assim como outros bilionários, grande parcela do patrimônio de Prajogo Pangestu é concentrada em empresas e ativos de baixa liquidez. 

Ou seja, quando as ações de suas companhias caem ou sobem na bolsa, a fortuna do magnata indonésio é impactada quase imediatamente.

Esse é o motivo pelo qual a riqueza do executivo pode disparar bilhões de dólares em um só dia — como acontece hoje —, ou despencar na mesma proporção. E no caso das companhias de Pangestu, as ações tiveram dias de glória no consolidado do último ano. 

As ações da Barito Renewables, produtora de energia geotérmica que representa quase metade da fortuna do bilionário, acumulam uma valorização de 666% em 12 meses. Já a Chandra Asri disparou 223% na bolsa de valores da Indonésia no acumulado de um ano.

Vale destacar que a alta das ações da empresa de energia geotérmica no ano passado levantou suspeitas, e o JP Morgan Chase rebaixou as ações da Barito Pacific no início de 2024, citando o valuation elevado após os ganhos recentes.

A bolsa da Indonésia também verifica se houve manipulação de ações na mineradora de carvão e ouro do bilionário, a Petrindo Jaya Kreasi. Nesse caso, os papéis foram temporariamente suspensos de negociação em dezembro do ano passado, durante a investigação.

*Com informações de Forbes e Bloomberg.

Compartilhe

Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies

Continuar e fechar