🔴 É HOJE! COMO BUSCAR ATÉ R$ 2 MIL DE RENDA EXTRA TODO OS DIAS – CONHEÇA A ESTRATÉGIA

Os dividendos da Petrobras (PETR4) vão cair. Ainda vale a pena investir nas ações da estatal?

O grande medo do mercado é que o governo invista tanto em outros segmentos que o payout caia para o mínimo exigido por lei (25%), o que na minha visão é um cenário pessimista demais

21 de julho de 2023
6:11 - atualizado às 11:17
Petrobras com fundo de dinheiro pegando fogo
Logo da Petrobras em montagem com dinheiro e fogo. - Imagem: Divulgação/Unsplash/Montagem: Fernanda Lopes

“Tudo indica que os dividendos do segundo trimestre já ocorram sob a nova política. Já devem ocorrer com base na nova regra”.

Essas foram as palavras de Sergio Caetano Leite, o diretor financeiro da Petrobras, em entrevista nesta semana.

Isso, meus amigos, infelizmente deve significar queda nos dividendos distribuídos pela petroleira. Depois de anos pagando quantias absurdas aos seus acionistas, a Petrobras deve começar a reduzir o montante distribuído a partir da divulgação de resultados do segundo trimestre de 2023.

E agora? Será que ainda é uma boa investir em PETR4?

  • Está preparado para os próximos 6 meses do ano? Os repórteres do Seu Dinheiro entrevistaram dezenas de profissionais do mercado financeiro para saber quais são os investimentos mais indicados para o 2º semestre. Veja AQUI o que eles falaram.

A (ex?) campeã dos dividendos

Os últimos anos da Petrobras foram ótimos para os acionistas. A companhia decidiu se desfazer de ativos pouco rentáveis e passou a focar mais no segmento de Exploração e Produção (E&P) de petróleo.

Ou seja, ela não só gerava caixa vendendo ativos ruins como a sua operação surfou os melhores preços da commodity dos últimos anos. O resultado dessa combinação foi uma geração de caixa absurda que proporcionou o pagamento de generosos dividendos.

A Petrobras foi, com muita folga, a maior pagadora de dividendos da Bolsa brasileira nos últimos 12 meses. Foram mais de R$ 200 bilhões distribuídos para os acionistas, o que inclusive explica boa parte da alta de 67% da ação no período.

TickerNomeDividendos pagos em R$ bilhões *
PETR4Petrobras216,63
VALE3Vale25,76
BBSA3Banco do Brasil14,21
ABEV3Ambev12,26
BBDC4Bradesco8,9
ITUB4Itaú6,55
SANB11Santander6,14
GGBR4Gerdau5,88
BBSE3BB Seguridade5,82
*Nos últimos 12 meses
Fonte: Bloomberg

Infelizmente, as coisas devem mudar a partir de agora. Para começar, a queda da cotação do petróleo no mercado internacional atrapalha um pouco a receita e a margem da companhia. Inclusive, o consenso espera uma queda de 40% no Ebitda e de 50% no lucro no segundo trimestre deste ano.

Como você deve saber, lucros menores também significam menos dividendos para distribuir, o que já não seria tão bom para os acionistas. Mas os problemas vão além.

A nova (velha) política

Depois de um período vendendo ativos ruins e investindo praticamente tudo o que podia no pré-sal, a nova gestão deve fazer com que a Petrobras retome velhos hábitos que acabaram atrapalhando a companhia na década passada.

O discurso pode até ser bonito e conquistar votos, mas a verdade é que, para os acionistas, não faz muito sentido que a Petrobras invista em ativos de geração eólica, fertilizantes, petroquímicos etc..

Primeiro porque ela não tem nenhum diferencial competitivo nesses segmentos e provavelmente teria retornos melhores investindo o dinheiro em Tesouro Selic.

Segundo porque ela possui alguns dos melhores ativos de E&P do mundo, de onde consegue extrair muito petróleo com custos baixos e retornos muito atrativos.

Mas quem decide a estratégia de investimento não somos nós, e como o avanço da Petrobras nessas novas frentes vai demandar maiores investimentos, isso implicará em menos dividendos para os acionistas.

Mas os dividendos não vão morrer

Nos últimos anos, a geração de caixa da Petrobras foi tão absurda que os dividendos superaram o lucro líquido (ou seja, o payout foi maior do que 100%).

Fonte: Bloomberg

Ou seja, se você parar para analisar friamente, mesmo reduzindo os dividendos, a Petrobras ainda tem potencial para continuar a ser uma das melhores pagadoras de dividendos da Bolsa. A questão é tentar entender em quanto esses dividendos serão reduzidos.

O grande medo do mercado é que o governo invista tanto em outros segmentos que o payout caia para o mínimo exigido por lei (25%), o que na minha visão é um cenário pessimista demais.

Primeiro, por conta da necessidade que o próprio governo tem de receber dividendos devido aos seus problemas fiscais. Além disso, é difícil imaginar que a companhia consiga alocar tanto dinheiro em outros setores – estamos falando de um fluxo de caixa livre de mais de R$ 120 bilhões só em 2023, haja criatividade.

Depois de pagar mais de R$ 200 bilhões em dividendos em 2022, a expectativa é que esse número caia para mais próximo de R$ 100 bilhões em 2023, por conta dos fatores mencionados.

Mesmo assim, ainda estamos falando de um dividend yield de mais de 20%, um dos melhores da bolsa brasileira. Ou seja, ainda que os dividendos caiam na comparação com os anos anteriores, a Petrobras ainda tem potencial de ser uma ótima pagadora de proventos.

Por isso, PETR4 segue na série Vacas Leiteiras, e ainda faz sentido para o investidor com foco em dividendos e com uma carteira devidamente diversificada.

Se quiser conferir outras ótimas pagadoras de dividendos, deixo aqui o convite.

Um grande abraço e até a semana que vem!

Ruy

Compartilhe

O MELHOR DO SEU DINHEIRO

Informação exclusiva, últimos dias para declarar o IR 2024 e dólar nas alturas na Argentina — confira as notícias mais lidas da semana no Seu Dinheiro

25 de maio de 2024 - 9:21

A posse da nova presidente da Petrobras, Magda Chambriard, a ata do Fed e a aprovação do ETF do ethereum nos Estados Unidos mexeram com os mercados, mas não brilharam sozinhas

Especial de IR

Fui MEI por um ano, mas não entreguei a declaração de imposto de renda de pessoa física. Posso vir a ter problemas?

25 de maio de 2024 - 7:46

Ela deixou de entregar a declaração de imposto de renda como pessoa física no ano em que trabalhou como MEI, mas pode ter cometido um erro…

SEXTOU COM O RUY

O investimento secreto de Warren Buffett: aprenda a aplicar a mesma estratégia para ganhar dinheiro no Brasil

24 de maio de 2024 - 9:01

Aposta mais recente de Warren Buffett aparecia na SEC como confidencial, o que gerou muita curiosidade entre os investidores

O MELHOR DO SEU DINHEIRO

Adagio ma non troppo: Com Ibovespa em marcha lenta, Wall Street anima os mercados; confira o que movimenta as bolsas hoje

24 de maio de 2024 - 8:50

Caminhos dos juros nos EUA e Brasil voltam a preocupar investidores; balanço da Americanas adiado, novo CEO da Vale e aprovação do ETF de ethereum agitam as bolsas nesta sexta-feira

INSIGHTS ASSIMÉTRICOS

O problema dos 3%: como a desancoragem das expectativas atrapalha a queda dos juros no Brasil

24 de maio de 2024 - 6:34

O ministro Fernando Haddad considera a meta de inflação de 3% praticamente inalcançável, o que eleva ansiedade quanto a uma possível revisão

EXILE ON WALL STREET

Rodolfo Amstalden: Você leu o que o Fed escreveu para você?

22 de maio de 2024 - 20:05

O segredo para uma jornada de sucesso como investidor ou como empreendedor começa com algo bem simples… a leitura.

CRYPTO INSIGHTS

O mercado de criptomoedas está influenciando as eleições nos EUA? O que o ETF de ethereum (ETH) tem a ver com a política americana

21 de maio de 2024 - 20:05

Nesta semana uma votação crucial está prevista para acontecer em Washington e pode remodelar o panorama regulatório para os ativos digitais nos Estados Unidos

EXILE ON WALL STREET

Felipe Miranda: Dez anos de “O Fim do Brasil”

20 de maio de 2024 - 20:01

Dez anos de lançamento de “O Fim do Brasil” e, afinal, a que fim chegou a economia do Brasil? Estamos em queda livre em direção ao pior?

Especial IR

Me mudei para Portugal, mas não entreguei a Declaração de Saída Definitiva do País; como regularizar a situação?

18 de maio de 2024 - 8:00

Documento serve para encerrar as obrigações fiscais do contribuinte no Brasil, mas este leitor não a entregou e agora recebeu uma herança

SEXTOU COM O RUY

A Petrobras (PETR4) desabou mais uma vez: surge uma barganha na bolsa com dividendos bilionários?

17 de maio de 2024 - 6:04

Nas últimas várias trocas no comando da Petrobras, não tivemos grandes mudanças no dia a dia da companhia, o que inclusive permitiu ótimos pagamentos de dividendos nos últimos anos, mesmo com CEOs distintos — será que agora também vai ser assim?

Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies

Continuar e fechar