🔴 RENDA MÉDIA DE R$ 21 MIL POR MÊS COM 3 CLIQUES – SAIBA COMO

Cotações por TradingView

Nunca antes na história deste país

O momento que vivemos agora é único e temos uma chance enorme de crescer

1 de novembro de 2018
13:43
Jair Bonsonaro
Bolsonaro está com a faca e o queijo na mão e não precisará nomear dezenas de milhares de apadrinhados políticos para cargos de confiança - Imagem: Igo Estrela/Estadão Conteúdo

Como todo mundo sabe, a corrupção sempre existiu no Brasil. Mas alavancou barbaramente após a redemocratização. Não estou defendendo a ditadura, apenas constatando um fato: naquela época roubava-se menos. Muito menos.

Um general aceitava, duma incorporadora, financiamento de imóvel a longo prazo (cujas parcelas a inflação pagava). Funcionários públicos graduados compravam os últimos modelos de Aero Willys, ou Simca Tufão, também em módicas prestações, que o tempo esfarinhava. Não ia muito além disso.

Vieram Sarney, Collor e sucessores e os agrados se transformaram em roubalheira. Da grossa. Assaltaram os cofres do Tesouro e das estatais. Desviaram fundos dos hospitais públicos, da merenda escolar, da alimentação dos detentos, dos programas sociais.

O Congresso Nacional se prostituiu. ONGs, sindicatos e fundações foram criadas apenas para que se pudesse roubar. Enfim, afanaram a grana quase toda.

Como cada real em propina costuma redundar em gastos inúteis no mínimo cinco vezes maiores, o Tesouro faliu.

Esta última fase (digamos que a quinta onda de Elliot da corrupção) começou com uma singela viagem, custeada pelos cofres públicos, da ministra Benedita da Silva para assistir a cultos evangélicos na Argentina. Seguiu-se o recebimento de propina de R$ 3.000,00 (sim, três mil reais) pelo funcionário dos Correios Mauricio Marinho. Houve o encontro do contraventor Carlinhos Cachoeira com o presidente da Loterj, Waldomiro Diniz, no qual Diniz pediu um cala-boca pra intermediar um negócio.

Surgiram então os escândalos do Mensalão e do Petrolão, que desaguaram na Lava Jato.

A República de Curitiba revelou aos poucos os pezzonovanti: Sérgio Cabral, Eduardo Cunha, Antonio Palocci, Marcelo Odebrecht, Renato Duque, Léo Pinheiro e dezenas e mais dezenas de outros. Lula foi posto na cadeia.

Desses episódios emergiu a figura de Jair Bolsonaro.

Na expectativa da não renovação dos mandatos de políticos corruptos, e de melhorar a segurança nas ruas do país, os eleitores aceitaram se submeter a medidas até então amaldiçoadas, tais como a reforma da Previdência, a redução dos direitos trabalhistas, a privatização das estatais.

Embora acusado de machista, no 2º turno o capitão teve mais votos femininos do que seu adversário.

Bolsonaro está com a faca e o queijo na mão. Para melhorar as coisas, não precisará nomear dezenas de milhares de apadrinhados políticos para cargos de confiança.

Parafraseando vocês sabem quem, “nunca antes na história deste país” tivemos tanta chance de crescer. Mesmo porque estamos partindo de um patamar muito baixo, como baixas são a inflação e as taxas de juros.

É hora de investir. E não estou me limitando a aconselhar as pessoas a comprar ações na Bolsa. Isso é o mínimo que devem fazer.

Refiro-me aos empreendedores arregaçarem suas mangas, expandirem seus negócios, contratarem pessoal. Hora de as empresas abrirem o capital através de IPOs. Hora de atrair os gringos de volta.

Compartilhe

efeito pandemia

Após ‘onda’ de devoluções, total de escritórios disponíveis em SP sobe 50%

15 de fevereiro de 2021 - 16:04

Situação tende a se agravar neste ano, tanto pela adoção massiva do home office quanto pela contínua inauguração de novos edifícios em São Paulo

perspectivas

Cresce a dependência comercial do Brasil para a China

14 de fevereiro de 2021 - 17:37

Com a pandemia, a participação chinesa nas exportações explodiu, avançando 4 pontos porcentuais: de pouco mais de um quarto para um terço das exportações, batendo em 32,3% em 2020

saída da ford

Governos e indústria buscam saída para Troller

14 de fevereiro de 2021 - 17:30

Há um esforço para salvar a marca brasileira que produz, no Ceará, o Troller T4, jipe que tem frota total em circulação de cerca de 20 mil unidades

estreias na b3

Novatas levantam R$ 3,5 bilhões na Bolsa nesta semana

10 de fevereiro de 2021 - 19:36

Em fevereiro, somente em IPOs foram levantados R$ 8,7 bilhões em ofertas primárias e secundárias

Paralisação

Funcionários do Banco do Brasil iniciam greve de 24h a partir desta quarta-feira

10 de fevereiro de 2021 - 12:59

A greve foi acordada durante assembleia virtual do sindicato e contou com a adesão de 87% dos trabalhadores, informa o sindicato

ICMS IRREGULAR

Aneel propõe devolver R$ 50,1 bi a consumidores em até cinco anos

10 de fevereiro de 2021 - 8:53

Após processos judiciais que se arrastaram por mais de dez anos, a Justiça entendeu que a cobrança dos encargos era feita de forma irregular

esquenta dos mercados

Debate sobre autonomia do BC e auxílio emergencial são destaques do dia para o mercado

10 de fevereiro de 2021 - 8:36

Auxílio emergencial, interferência na Petrobras e pacote de ajuda trilionário: o que você precisa saber hoje para estar preparado para o mercado

dinheiro no caixa

Petrobras conclui venda de participação na BSBios e recebe R$ 253 milhões

9 de fevereiro de 2021 - 20:51

Além deste montante, serão mantidos mais R$ 67 milhões em conta vinculada para indenização de eventuais contingências e liberados conforme o previsto em contrato

balanço da tech

Twitter registra alta de 87% em lucro do 4º trimestre; ação sobe

9 de fevereiro de 2021 - 19:23

Número de usuários ativos diários monetizáveis do Twitter entre outubro e dezembro de 2020 subiu 27% e chegou a 192 milhões

resultados do 4º tri

Neoenergia tem lucro aos controladores de R$ 996 milhões, alta de 61%

9 de fevereiro de 2021 - 19:12

No acumulado de 2020, o lucro atingiu R$ 2,809 bilhões, 26% superior em relação ao R$ 2,229 bilhões anotados no exercício anterior

Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies