🔴 ALGORITMO MOSTRA COMO BUSCAR ATÉ R$ 3 MIL POR DIA – CONHEÇA

Isabelle Santos
Isabelle Santos
Comunicóloga formada pela Universidade Estadual de Santa Cruz (UESC). É redatora do Money Times, Seu Dinheiro e Empiricus.
Conteúdo Empiricus

Imposto de Renda: duas formas de aumentar a sua restituição 

Este ano os contribuintes que deixarem para declarar na última hora vão receber a restituição corrigida pela Selic e mais 1% de acréscimo

Isabelle Santos
Isabelle Santos
19 de maio de 2024
14:00 - atualizado às 16:26
imposto de renda
Imagem: Shutterstock

Todos os anos uma parcela significativa dos brasileiros precisa preencher a declaração do Imposto de Renda. E sempre tem aquele grupo que deixa para acertar as contas com o Leão na última hora. 

Por exemplo, falta pouco menos de 15 dias para encerrar o prazo de entrega da declaração mas, até o momento, dos 43 milhões de contribuintes esperados, 40% ainda não prestaram contas ao Fisco, de acordo com a Receita Federal

Esse comportamento não é nenhuma novidade e o que mais se vê por aí são matérias criticando a postura de quem deixa para entregar a declaração no “apagar das luzes”. 

Mas e se eu te dissesse que existe uma vantagem para quem declara no fim do prazo, e mais, que, além desta, há outros mecanismos que podem “turbinar” a sua restituição?

GUIA GRATUITO PARA ‘TURBINAR’ A SUA RESTITUIÇÃO

Quando ser o ‘último da fila’ compensa

O primeiro lote de restituições de 2024 será pago no dia 31 de maio, data que também marca o fim do prazo para as entregas das declarações. 

Assim, para definir quem são as pessoas que vão receber no primeiro lote, a Receita estabelece algumas prioridades. São elas: 

  1. Idosos acima de 80 anos; 
  2. Idosos entre 60 e 79 anos e contribuintes com deficiência física ou mental ou portadores de moléstia grave;
  3. Pessoas cuja maior fonte de renda é o magistério; 
  4. Contribuintes que optaram pela declaração pré-preenchida e/ou restituição via PIX; e
  5. Demais contribuintes. 

Em geral, o principal incentivo para entregar a declaração logo no início do prazo é ser um dos primeiros na ‘fila da restituição’. 

Contudo, o que muitas pessoas não sabem é que ser um dos últimos a receber a restituição tem suas vantagens. 

Acontece que as restituições pagas a partir do 2º lote são corrigidas pela Selic. Atualmente, a taxa básica de juros está em 10,50% ao ano, um patamar menor do que em 2023, mas, ainda assim, na casa dos dois dígitos. 

E em 2024 tem uma novidade: a Receita Federal informou que, além da correção pela Selic, todos os lotes receberão um acréscimo de 1%, referente ao mês de pagamento.

Veja só na imagem abaixo: 

(Fonte: Seu Dinheiro)

Para você ter uma ideia, em 2023, quem esperou e recebeu no 5º lote teve uma correção de 4,28% na restituição. 

Para você ter uma ideia, se usássemos como base a rentabilidade de abril (0,89%), estaríamos falando de uma correção de aproximadamente 1,89% para as restituições do segundo lote. 

E, levando em conta que a cada lote o valor é corrigido, quanto mais tarde o contribuinte receber, mais a restituição vai render. Vale lembrar que são raras as oportunidades de um retorno de 100% do CDI, sem cobrança de IR e com a garantia do governo.  

Mas esta não é a única maneira de ‘turbinar’ a sua restituição…

Para falar a verdade, os ganhos com a correção da restituição pela Selic podem ser “mixaria” diante do quanto você pode receber usando a estratégia que vou te explicar agora. 

Se você já faz a declaração há algum tempo, deve saber que quanto mais gastos dedutíveis tiver, maiores são as chances de receber uma restituição “gorda”. 

O problema é que nem sempre o contribuinte tem despesas com dependentes, educação, saúde etc. 

Entretanto, quem investe em Previdência Privada, no plano PGBL, pode deduzir até 12% da renda tributável

Os analistas da Empiricus fizeram uma simulação para comparar o quanto a restituição poderia aumentar usando o benefício desse investimento. 

Para isso, eles usaram um indivíduo que ganha R$ 100 mil por ano e que poderia deduzir até R$ 12 mil do Imposto de Renda, investindo em Previdência Privada. 

Veja só: 

(Fonte: Empiricus Research)

Perceba que, investindo em previdência privada, o contribuinte da simulação recebeu R$ 1.174,05 a mais na sua restituição. 

É claro que os valores podem mudar de acordo com a realidade de cada investidor. Pois no Imposto de Renda tudo vai depender do quanto você ganha, se tem outras despesas tributáveis e o montante investido em previdência privada. 

No Guia da Previdência Privada, você encontra uma planilha para lhe ajudar a realizar essa simulação e descobrir se essa estratégia é realmente vantajosa para você.

Entretanto, o fato é que tanto o indivíduo do exemplo acima como você poderiam ter recebido uma restituição bem mais “gorda” neste ano, se tivessem investido em previdência privada em 2024. 

Mas a boa notícia é que é possível aumentar o pix da Receita que será recebido em 2025. 

APRENDA A ‘TURBINAR’ A SUA RESTITUIÇÃO INVESTINDO EM PREVIDÊNCIA

E este é apenas um dos benefícios de contratar um plano de previdência privada. Você ainda pode se planejar para se aposentar mais cedo e com uma renda melhor que só o benefício do INSS. 

GRATUITO: conheça o passo a passo para aumentar a sua restituição e se aposentar mais cedo

Se você não sabia da possibilidade de ‘turbinar’ a sua restituição investindo em um plano PGBL da previdência privada, talvez se sinta perdido em como usar esse recurso. 

Pensando nisso, a Empiricus, empresa do Grupo BTG, está oferecendo como cortesia o acesso ao Guia da Previdência Privada

Neste material, você vai encontrar tudo o que precisa saber para investir nesse ativo e buscar uma restituição turbinada já no ano que vem. 

Além disso, no guia você vai descobrir:

  • Outras vantagens de ter um plano de Previdência; 
  • Como escolher o melhor plano para você: PGBL ou VGBL
  • Regimes de tributação: progressivo ou regressivo
  • Como usar a Previdência para trocar uma alíquota de 27,5% por uma de 10%
  • Planilha financeira para calcular quanto você precisa investir.

BÔNUS: os 4 fundos de previdência privada que valem o seu dinheiro.

Com esse material você vai aprender a “engordar” a sua restituição do Imposto de Renda, além dos outros benefícios que a previdência privada oferece.

O Guia da Previdência Privada é gratuito. Para acessá-lo, basta clicar neste link e seguir as instruções:

Compartilhe

Conteúdo Empiricus

Mesmo com a queda de 10% do Ibovespa em 2024, analista diz que pouca vezes esteve ‘tão otimista com o futuro de longo prazo do Brasil’; entenda

22 de junho de 2024 - 14:00

Queda do Ibovespa pode ser uma oportunidade para incluir ações de qualidade na carteira

Conteúdo Empiricus

Empiricus relança robô que pode gerar lucro médio de R$ 680 por dia de forma semiautomática; veja como usar

22 de junho de 2024 - 12:00

Robô usa método quantitativo para semiautomatizar operações com elevado potencial de lucros

Conteúdo Empiricus

Nvidia desbancou Microsoft e Apple para se tornar a companhia mais valiosa do mundo: até onde as ações podem ir?

22 de junho de 2024 - 8:00

Ações da fabricante de semicondutores já se valorizaram 171% em 2024 e alçaram a Nvidia ao posto de companhia mais valiosa do mundo: tem espaço para mais?

Conteúdo Empiricus

Ibovespa segue patinando nos 120 mil pontos e analista afirma: ‘se tivesse que comprar apenas uma ação, seria essa’; veja qual

21 de junho de 2024 - 16:00

Ação foi incluída em portfólio que reúne os 10 melhores papéis da bolsa e é um dos principais destaques entre as recomendações deste grupo de analistas

Conteúdo Empiricus

Média de R$ 680 por dia? Economista da FGV cria robô financeiro que pode gerar lucro com só 3 cliques

21 de junho de 2024 - 14:00

Sistema de trade semiautomático estará acessível a todos os brasileiros em breve; saiba como testar

Conteúdo Empiricus

Virada de chave do Ibovespa? Veja 4 notícias que podem animar a bolsa brasileira nos próximos meses e como se posicionar neste cenário

21 de junho de 2024 - 12:00

Depois de um primeiro semestre ruim, algumas ações de qualidade aparecem em ótimo ponto de entrada, segundo analistas; veja o que pode fazer o Ibovespa voltar a andar ainda em 2024

Conteúdo Empiricus

Responsável por carteira que já subiu 3.271% revela nova lista de criptomoedas capazes de transformar R$ 5 mil em até R$ 2 milhões

21 de junho de 2024 - 10:00

Head de ativos digitais encontrou ‘tesouros’ escondidos no mercado cripto que podem disparar até quase 40.000%

Conteúdo Empiricus

Nova ferramenta que parece videogame, mas é de buscar lucro na bolsa, gera polêmica no mercado financeiro; conheça

21 de junho de 2024 - 8:00

Renda potencial média de R$ 3 mil por dia com apenas 2 operações, apresentada pela ferramenta, chama a atenção de investidores

Conteúdo Empiricus

Selic a 10,5% não é o que muda o jogo: Copom deixa oportunidade escancarada nas estrelinhas

20 de junho de 2024 - 16:00

Projeções já apontavam para fim do ciclo de queda, mas confirmação do Copom deixa ‘recado oculto’ no ar; veja qual

Conteúdo Empiricus

Petrobras (PETR4): veja o impacto do acordo bilionário com a União no dividend yield da companhia, segundo analista

20 de junho de 2024 - 14:03

Para Ruy Hungria, da Empiricus, apesar do acordo ter sido positivo para a Petrobras, era impossível que ele fosse feito sem “nenhum ferimento” nos dividendos da estatal

Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies

Continuar e fechar