🔴 É HOJE! COMO COMPRAR CARROS COM ATÉ 50% DE DESCONTO NA TABELA FIPE – CONHEÇA A ESTRATÉGIA

Bruna Martins
Bruna Martins
Jornalista formada pela Universidade de São Paulo (ECA-USP) e redatora dos portais Seu Dinheiro, Money Times e Empiricus. Já foi repórter do Metro Jornal SP e colaborou para Casa Vogue, além de ter experiência em comunicação corporativa e assessoria de imprensa.
Conteúdo Empiricus

Ação do varejo já subiu 296% em um ano; tem espaço para mais? Analista prefere outra varejista de moda; veja

Enquanto esse papel dispara na bolsa, analista da Empiricus recomenda outra varejista de moda em ótimo ponto de entrada

Bruna Martins
Bruna Martins
14 de abril de 2024
8:00 - atualizado às 16:52
varejo varejista de moda
Imagem: Canva / Montagem: Bruna Martins

À primeira vista, março não foi um bom mês para a Bolsa de Valores. Isso porque o Ibovespa, principal índice de referência, recuou -0,7% no período. Mas esse efeito esconde o que foi, na verdade, um bom mês para as ações brasileiras como um todo, em especial para as empresas ligadas à economia doméstica, como as ações do varejo. 

Quem diz isso é a analista de ações Larissa Quaresma, da Empiricus Research, empresa do grupo BTG Pactual. Segundo ela, a má performance do Ibovespa refletiu os ruídos políticos em torno de Vale (VALE3), Petrobras (PETR4) e Eletrobras (ELET6) – que, juntas, representam 28% do índice. 

Um exemplo desse bom desempenho do varejo é o papel da C&A (CEAB3). No mês de março, a ação do varejo registrou uma alta de 13,5% na bolsa. Já nos últimos 12 meses, essa valorização chega a impressionantes 296% (considerando o último fechamento). 

O balanço da companhia no quarto trimestre de 2023 (4T23) também mostrou números acima das expectativas do mercado, com um lucro líquido reportado de R$ 168,7 milhões.

Na última terça-feira (9), a C&A realizou o Investor Day 2024, evento no qual apresentou seu plano estratégico para o próximo triênio (2024-2026). Segundo a companhia, três pontos principais serão perseguidos nesses anos:

  • Um maior maior nível de gastos dos clientes;
  • A continuidade do crescimento do modelo de distribuição inteligente;
  • E um aumento da penetração do cartão digital nas vendas.

Mas será que todos esses dados de performance sobre C&A (CEAB3), junto com o plano estratégico adotado pela empresa do varejo, fazem dela uma boa opção de investimento

Para Larissa Quaresma, existe uma outra varejista de moda que representa uma melhor oportunidade de entrada no setor agora. 

Essa outra companhia, inclusive, cai cerca de -13% na Bolsa este ano – o que mostra uma “brecha” interessante para se posicionar em um papel resiliente, de qualidade e com avenidas importantes de crescimento pela frente. 

Uma empresa do varejo com demanda resiliente e com avenidas de crescimento pela frente

Para Larissa Quaresma, essa outra varejista de moda é a ação “favorita” do setor para você comprar agora. Tanto é que ela faz parte da lista de Top 10 melhores papéis para investir em abril, selecionados de maneira criteriosa pela analista. 

Estamos falando sobre um grande conglomerado de moda que, diferentemente da C&A, é voltado para o público de alta renda e dono de marcas de grande prestígio. 

Essa posição de liderança no varejo de moda das classes A e B, aliada à qualidade dos produtos e à força de suas marcas, dá a ela “uma demanda resiliente, menos sensível a oscilações econômicas e a remarcações de preço”, segundo Quaresma. 

Vale destacar que essa resiliência ajuda a proteger a rentabilidade do negócio.

Além disso, essa varejista conta com uma agenda cheia de lançamentos de novas categorias dentro de suas marcas, o que cria novas avenidas de crescimento.

E por falar em avenidas de crescimento… “A companhia também está nos passos iniciais da sua expansão internacional, com uma presença ainda tímida nos Estados Unidos e dando seus primeiros passos na Europa”, ressalta a analista. 

Superioridade em períodos de juros altos 

O período de juros altos vivido pelo país nos últimos anos “castigou” as varejistas brasileiras, que viram as vendas diminuírem e, ao mesmo tempo, uma tendência ao aumento das dívidas. 

No entanto, Larissa Quaresma destaca que, mesmo em meio ao cenário de aperto monetário, essa varejista de moda converteu boa parte do seu Ebitda em fluxo de caixa para o acionista e manteve boa alavancagem financeira. 

“Isso reforça a superioridade da companhia”, segundo a analista, e é algo a ser considerado no momento atual – em que a curva de juros está em movimento de alta, influenciada por riscos fiscais e políticos. 

Oportunidade de entrada

Mesmo com toda a qualidade da companhia e suas perspectivas de entregar bons resultados, o papel dessa empresa do varejo negocia a um múltiplo P/L (preço sobre lucro) de 14,47 atualmente – um valor excessivamente descontado, considerando a média de 23,14 dos últimos 5 anos. Veja só:

Para ficar mais claro, só em 2024, a ação dessa empresa cai cerca de -13% na Bolsa brasileira. E nos últimos 12 meses, esse “tombo” é ampliado para -21%.

Na opinião da analista, essa queda acentuada representa uma oportunidade interessante de se posicionar no papel e poder obter lucros com sua valorização dentro dos próximos meses.

Uma varejista com tanto potencial que está entre as ‘top 10’ para investir agora

A analista da Empiricus Research acredita no potencial de investimento atual em ações cíclicas domésticas, como é o caso das ações do varejo. 

Isso porque elas tendem a se beneficiar do momento econômico, marcado pelo ciclo de redução da taxa básica de juros, a Selic, hoje a 10,75% ao ano e com previsão de chegar a 9% até dezembro, segundo o último boletim Focus. 

E, dentre as recomendações da analista, essa varejista de moda é a preferida para investir agora. Por isso ela foi incluída na carteira 10 Ideias – um relatório em que Larissa Quaresma seleciona criteriosamente as ações da Bolsa com maior potencial de valorização do mês. 

São 10 empresas com perfil sólido, resiliente e com boa gestão. Além disso, seus papéis negociam a preços atrativos – portanto, são 10 oportunidades de investimento que devem ser aproveitadas o quanto antes, dada a qualidade e o potencial de cada companhia. 

O único intuito dessa seleção de ações é ajudar você, investidor pessoa física, a buscar maiores lucros com a Bolsa brasileira – e ter a chance de aumentar seu patrimônio pouco a pouco, investindo em ativos de qualidade e fugindo de possíveis “ciladas”. 

Por essa razão, o relatório é disponibilizado gratuitamente, como cortesia, para qualquer brasileiro. Basta clicar aqui ou no link ao final desta matéria, e seu acesso será liberado à lista de 10 ações que todo investidor deveria ter na carteira agora, segundo a analista. Aproveite:

Compartilhe

Conteúdo Empiricus

Renda fixa dos ‘endinheirados’ cresce 3% em 2024; conheça os títulos que pagam até IPCA +9,3% e saiba como investir

20 de maio de 2024 - 16:00

Segundo a B3, o número de investidores na renda fixa é 3x maior que na renda variável; veja como investir nos títulos ‘premium’

Conteúdo Empiricus

Quais foram os destaques positivos e negativos da temporada de balanços do 1T24? Analistas citam Petrobras (PETR4), Gerdau (GGBR4), Usiminas (USIM5) e mais

20 de maio de 2024 - 12:00

Para analista, alguns setores, como o varejo, tiveram resultados aquém do esperado, enquanto o setor financeiro foi um dos destaques positivos; veja um ‘resumão’ da temporada do 1T24

Conteúdo Empiricus

EUA pode ter ‘novo Javier Milei’ na Casa Branca? Político americano é pró-criptomoedas e quer isentar Bitcoin (BTC) de imposto

20 de maio de 2024 - 12:00

Robert F. Kennedy Jr. estará em evento de criptomoedas junto a especialista brasileiro; confira as apostas para o mercado

Conteúdo Empiricus

‘O Brasil é o aluno nota 6: nem quebra, nem vira os EUA’: entenda por que cenário doméstico pode melhorar, segundo analista

20 de maio de 2024 - 10:00

Para a analista da Empiricus Research Larissa Quaresma, existem fatores que podem jogar a favor da bolsa brasileira neste momento; saiba como aproveitar

Conteúdo Empiricus

Com R$ 1,2 bilhão de dividendos pagos em maio, a expectativa é que ‘Eletrobras (ELET6) não pare por aí’, afirma analista

20 de maio de 2024 - 8:00

A Eletrobras integra hoje a carteira Top 5 ações para dividendos da Empiricus Research; acesse os outros 4 papéis da lista para buscar dividendos

Conteúdo Empiricus

Imposto de Renda: duas formas de aumentar a sua restituição 

19 de maio de 2024 - 14:00

Este ano os contribuintes que deixarem para declarar na última hora vão receber a restituição corrigida pela Selic e mais 1% de acréscimo

Conteúdo Empiricus

Não foi com Mega-Sena nem Lotofácil: veja como esse ex-frentista ficou milionário no mercado financeiro

19 de maio de 2024 - 12:00

Usando a mesma estratégia que ele, você pode buscar uma renda de R$ 2.000 por dia, em média

Conteúdo Empiricus

Fundos multimercado: ações perdem espaço para ativo que pode pagar até IPCA + 7%; conheça 4 títulos para comprar agora

19 de maio de 2024 - 10:00

Os gestores de fundos multimercado estão trocando a volatilidade das ações por títulos de crédito privado; entenda o motivo

Conteúdo Empiricus

O que são ‘alphacoins’? Conheça as criptomoedas capazes de transformar um investimento de R$ 5 mil em até R$ 2 milhões

19 de maio de 2024 - 8:00

Em outro momento, investidores que aplicaram R$ 3.500 tiveram a oportunidade de ficar milionários em 10 meses

Conteúdo Empiricus

Incorporação da AES Brasil (AESB3) pode ‘minguar’ dividendos da Auren (AURE3), afirma analista; entenda

18 de maio de 2024 - 14:00

Apesar de entender que a Auren terá capacidade de melhorar eficiência dos ativos da AES Brasil, analista avalia que a alavancagem da combinação das empresas deve reduzir ritmo dos dividendos

Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies

Continuar e fechar