🔴 É HOJE! COMO COMPRAR CARROS COM ATÉ 50% DE DESCONTO NA TABELA FIPE – CONHEÇA A ESTRATÉGIA

Julia Wiltgen
Julia Wiltgen
Jornalista formada pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ) com pós-graduação em Finanças Corporativas e Investment Banking pela Fundação Instituto de Administração (FIA). Trabalhou com produção de reportagem na TV Globo e foi editora de finanças pessoais de Exame.com, na Editora Abril.
IR 2024

Como doar parte do seu imposto de renda para o Rio Grande do Sul e ajudar a população após as enchentes

Doações incentivadas na própria declaração podem ser direcionadas aos fundos da Criança e do Adolescente e fundos do Idoso do estado

Julia Wiltgen
Julia Wiltgen
14 de maio de 2024
18:33 - atualizado às 17:45
Cidade de Eldorado do Sul, no Rio Grande do Sul (RS), após alagamentos de maio de 2024
Cidade de Eldorado do Sul, no Rio Grande do Sul (RS), após alagamentos de maio de 2024. - Imagem: Mauricio Tonetto / Secom do Governo do Estado do Rio Grande do Sul (Creative Commons)

Dentre as várias maneiras de ajudar as vítimas das enchentes e alagamentos do Rio Grande do Sul neste mês de maio, uma delas tem relação direta com a declaração do imposto de renda 2024.

Advogados tributaristas e contabilistas de todo o país estão fazendo campanha para incentivar os contribuintes obrigados a entregar a Declaração de Ajuste Anual do Imposto de Renda da Pessoa Física 2024 a utilizarem ao menos parte da sua cota de doações dedutíveis no IR para ajudar o estado.

Conforme orientações da Federação Nacional das Empresas de Serviços Contábeis e das Empresas de Assessoramento, Perícias, Informações e Pesquisas (Fenacon), contribuintes podem optar por destinar parte do seu IR devido em 2023 diretamente para o Fundo dos Direitos da Criança e do Adolescente e o Fundo dos Direitos da Pessoa Idosa do estado gaúcho ao final do preenchimento da declaração.

Esse tipo de doação resultará num abatimento no IR devido, que pode resultar em maior restituição ou menor IR a pagar após transmitida a declaração. Na prática, esse tipo de doação possibilita ao contribuinte escolher para onde vai uma parte do imposto que ele paga ao governo.

Infelizmente não é possível deduzir do IR devido qualquer doação feita a causas sociais, nem escolher especificamente projetos ligados ao auxílio das vítimas dos alagamentos.

Só são dedutíveis na declaração as chamadas doações incentivadas, como é o caso dessas doações aos fundos da criança e do adolescente e aos fundos do idoso, bem como a projetos aprovados no âmbito de leis de incentivo federais. Eu falo mais sobre as doações incentivadas nesta outra matéria.

Em geral, as doações incentivadas feitas em um ano serão abatidas somente na declaração do ano seguinte – por exemplo, doações incentivadas feitas em 2023 serão abatidas agora no IR 2024.

Porém, existe ainda uma última oportunidade de aproveitar o benefício durante o preenchimento da declaração: antes de transmiti-la, o contribuinte que ainda não esgotou seu limite de doações incentivadas no ano anterior pode completá-lo por meio das doações na própria declaração.

Estas têm limites menores que as doações feitas no ano-calendário ao qual se refere a declaração e também só podem ser efetuadas aos fundos da criança e do adolescente e da pessoa idosa. Porém, é aqui que surge a oportunidade de ajudar as vítimas do desastre climático no Rio Grande do Sul.

Segundo cálculo feito pelo escritório de advocacia Silveiro Advogados, de Porto Alegre, apenas as doações via declaração de imposto de renda têm o potencial de gerar uma arrecadação de até R$ 20 bilhões aos fundos do Rio Grande do Sul.

Como fazer as doações incentivadas na declaração e ajudar a população do Rio Grande do Sul

Ao terminar o preenchimento da declaração, vá até a ficha Doações Diretamente na Declaração. Lá você verá quanto tem disponível para doar aos Fundos dos Direitos da Criança e do Adolescente e aos Fundos dos Direitos da Pessoa Idosa, na aba referente a cada fundo.

O Programa Gerador da Declaração possibilita doar até 3% do seu IR devido a cada fundo, totalizando 6%.

Em cada aba, você poderá escolher se deseja doar para o fundo nacional ou então para um fundo estadual ou municipal. Escolha, para cada um deles, o fundo estadual e a unidade da federação (UF) Rio Grande do Sul - RS.

Após transmitir a declaração, vá até a aba "Imprimir", no menu lateral esquerdo do programa, e imprima os DARFs de Doações Diretamente na Declaração que tiver efetuado, para fazer o pagamento até 31 de maio, data de término do prazo de entrega da declaração de imposto de renda 2024.

Quem já transmitiu a declaração à Receita e não esgotou seu limite de doações incentivadas ainda pode ajudar por meio deste mecanismo. Basta preencher uma declaração retificadora, orienta a Fenacon.

Veja como retificar a sua declaração de imposto de renda.

Compartilhe

IR 2024

Os 5 principais erros na declaração de imposto de renda que podem te levar à malha fina

20 de maio de 2024 - 8:04

Omissões de rendimentos e erros na declaração de despesas de saúde estão entre os principais erros que podem levar o contribuinte à malha fina. Veja como evitá-los

IR 2024

8 maneiras de aumentar a sua restituição do imposto de renda na declaração de IR 2024

17 de maio de 2024 - 7:13

Ainda não declarou e deseja engordar a restituição? Siga essas dicas

IR 2024

Vai declarar ações ou fundos imobiliários no imposto de renda 2024? Saiba como obter o CNPJ de todas as empresas e FII da B3

16 de maio de 2024 - 8:07

Informar no imposto de renda o CNPJ da empresa emissora da ação ou do fundo emissor da cota é obrigatório

IR 2024

Como a Receita calcula o imposto de renda devido e o valor das restituições

15 de maio de 2024 - 8:03

Jeito de calcular o imposto de renda devido e a eventual restituição varia de acordo com o modelo escolhido de declaração, se completo ou simplificado

IR 2024

Deixou o Brasil em 2023? Veja como preencher a declaração de saída definitiva do país

14 de maio de 2024 - 8:02

O documento é necessário para encerrar as obrigações fiscais no país e evitar dores de cabeça com a dupla tributação e outros problemas no futuro

Ficou mais fácil

B3 passa a permitir portabilidade digital entre corretoras de ativos negociados em bolsa, como ações, ETFs e fundos imobiliários

13 de maio de 2024 - 19:00

A portabilidade de investimentos já era possível, mas era um processo totalmente manual; agora, 15 corretoras já permitem a portabilidade digital de ativos negociados em bolsa, como ações

IR 2024

IR 2024: por que ainda vale a pena deixar para entregar a declaração de imposto de renda na última hora

13 de maio de 2024 - 7:19

Prazo de entrega da declaração de IR 2024 vai de 15 de março a 31 de maio; veja as vantagens de entregar apenas no final

AUTOMÓVEIS

Chama o síndico! Instalação de tomadas de carros elétricos é a treta da vez nos condomínios; saiba quem está certo nessa discussão

12 de maio de 2024 - 8:26

Crescimento das vendas de carros elétricos gera nova demanda em empreendimentos residenciais e comerciais — e também muitas discussões

IR 2024

Vai preencher a declaração de imposto de renda para parentes ou amigos? Esta ferramenta vai te ajudar

10 de maio de 2024 - 7:10

Contribuinte que faz a declaração de terceiros pode receber autorização de acesso à declaração pré-preenchida deles; veja como funciona

IR 2024

Eles também precisam ser declarados! Saiba quais são os rendimentos isentos e não tributáveis no imposto de renda

9 de maio de 2024 - 7:44

Entre os principais rendimentos isentos estão pensões alimentícias, lucros e dividendos de empresas, indenização por rescisão de contrato de trabalho, além de rendimentos de aplicações financeiras. Confira como declará-los no imposto de renda 2024

Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies

Continuar e fechar