🔴 CHANCE DE MULTIPLICAR O INVESTIMENTO EM ATÉ 14,5X EM 8 DIAS? ENTENDA A PROPOSTA

Renan Sousa
Renan Sousa
É repórter do Seu Dinheiro. Formado em jornalismo na Universidade de São Paulo (ECA-USP) e já passou pela Editora Globo e SpaceMoney. Twitter: @Renan_SanSousa
MERCADOS HOJE

Dólar salta na abertura e vai a R$ 5,44: o ataque de Lula à Campos Neto que fez o real cair ainda mais

O presidente da República deu entrevista à Rádio CBN de Londrina e voltou a criticar o posicionamento político do chefe da autoridade monetária

Renan Sousa
Renan Sousa
18 de junho de 2024
10:32
Dia de decisão sobre a Selic renda fixa campos neto
Roberto Campos Neto. presidente do Banco Central - Imagem: Agência Brasil

O mercado amanheceu com grandes expectativas em relação à decisão de juros brasileira de amanhã (19), colocando Roberto Campos Neto, presidente do Banco Central, nos holofotes de qualquer novidade sobre o tema. Porém, foi uma notícia em relação à autoridade monetária brasileira que fez o dólar saltar para R$ 5,44 na abertura desta terça-feira (18).

Não exatamente uma notícia, mas uma entrevista. Mais precisamente, a do presidente da República, Luiz Inácio Lula da Silva, (PT) à Rádio CBN de Londrina. 

Na manhã de hoje, o presidente voltou a criticar a condução da política monetária do Banco Central, afirmando que a autarquia não respeita a independência que conquistou. 

“Só temos uma coisa desajustada neste país: é o comportamento do Banco Central. Essa é uma coisa desajustada. Presidente que tem lado político, que trabalha para prejudicar o país. Não tem explicação a taxa de juros estar como está”, disse Lula. 

Vale lembrar que, no passado, o presidente já havia criticado a instituição, dizendo que os juros mais elevados atravancavam o crescimento do país.

Por volta das 10h, o dólar chegou a reverter a tendência de alta, passando a cair 0,14%, ainda porém na faixa dos R$ 5,4123. No ano, a moeda norte-americana acumula alta de 11,52% e, nos últimos 12 meses, de 12,26%. 

Lula critica lado político de Campos Neto

Ainda no campo dos ataques ao presidente da instituição, Lula afirmou que o dirigente da autoridade monetária não demonstra “capacidade de autonomia” e tem “lado político”.

Ele fazia referência ao evento da última segunda-feira (10), em que o governador de São Paulo, Tarcísio de Freitas (Republicanos), havia convidado para um jantar o presidente do BC, além de outras figuras importantes como banqueiros, políticos e empresários. 

Tarcísio é considerado um herdeiro político do ex-presidente Jair Bolsonaro — em junho deste ano, ele mesmo se declarou: “sou bolsonarista e vou continuar sendo bolsonarista”. 

Porém, a aproximação de ambos no campo político minaria a confiança de que o BC age de maneira técnica, na visão de Lula. “A quem esse rapaz é submetido? Como vai a festa em São Paulo quase assumindo candidatura a cargo no governo de SP? Cadê a autonomia dele?”, questionou o presidente. 

"Não é que Campos Neto encontrou Tarcísio em uma festa. A festa foi do Tarcísio para ele. Foi uma homenagem que o governo de São Paulo fez para ele. Quando ele se auto lança a um cargo, eu fico imaginando, nós vamos repetir o Moro? O presidente do Banco Central está disposto a fazer o mesmo papel que Moro fez?", disse.

E o futuro dos juros… 

O Banco Central decide o futuro da Selic nesta quarta-feira. A expectativa geral é de que a autoridade monetária mantenha os juros na atual faixa de 10,5% ao ano

Entidades do mercado, como o Bank of America (BofA) acreditam que há espaço para um corte de 25 pontos-base, colocando os juros na faixa de 10,25% ao ano. 

Contudo, após as mais recentes falas de Lula em relação à meta fiscal e as sucessivas “caneladas” do governo sobre o cumprimento desses objetivos fizeram o mercado ficar mais cético em relação ao futuro dos juros.

Enquanto, no começo do ano, entidades do setor financeiro acreditavam em uma Selic na casa dos 9,5%, agora houve uma deterioração das expectativas. Agora, os juros devem permanecer no atual patamar até o fim de 2024, segundo a mais recente edição do Boletim Focus.

*Com informações do Money Times

Compartilhe

LOTERIAS

Essa é fácil mesmo: Lotofácil tem 5 ganhadores; Quina e Mega-Sena acumuladas prometem verdadeiras fortunas hoje

13 de julho de 2024 - 8:23

Enquanto a Quina acumulou de novo, a Lotofácil voltou a fazer jus à fama de loteria menos difícil da Caixa Econômica Federal

REGULANDO AS REDES

Elon Musk no alvo: União Europeia acusa empresa do bilionário de enganar usuários e violar regras do bloco

12 de julho de 2024 - 15:03

A União Europeia poderá multar o X, antigo Twitter, em até 6% do faturamento anual da big tech, comprada por Elon Musk em 2022. A empresa ainda não se pronunciou sobre o caso.

PATINANDO NA PRAÇA DA SÉ

Adeus, bolsa? B3 (B3SA3) reporta saída de CPFs pelo segundo mês seguido

12 de julho de 2024 - 8:38

Volume financeiro médio diário total em ações caiu 21,4% em um ano, mas bolsa ainda tem mais de 5 milhões de CPFs

LOTERIAS

Lotofácil faz 2 quase milionários; Quina acumula e continua pagando mais que a Mega-Sena

12 de julho de 2024 - 5:53

Enquanto a Quina segue acumulando, a Lotofácil continua fazendo jus à fama de loteria menos difícil da Caixa Econômica Federal

NOVA POLÊMICA

Vem mais imposto por aí? Após Senado “rejeitar” aumento da CSLL, líder sugere taxação sobre setor financeiro para compensar desoneração da folha

11 de julho de 2024 - 19:45

Aumento seria feito caso as medidas apontadas pelo Senado não sejam suficientes para equalizar a renúncia do benefício fiscal aos 17 setores e às pequenas e médias prefeituras

APÓS 40 ANOS

Ela está chegando: Câmara aprova texto-base da reforma tributária, zera taxa sobre carnes e mantém armas e munições isentas do ‘imposto do pecado’

11 de julho de 2024 - 7:48

Agora, os deputados votam os cinco destaques (tentativas de alterar o texto-base), antes de a proposta ser enviada ao Senado

LOTERIAS

Lotofácil faz 2 meio-milionários; Mega-Sena acumula, mas não consegue superar premiação da Quina

11 de julho de 2024 - 5:50

Lotofácil continua fazendo jus à fama de loteria menos difícil da Caixa Econômica Federal; Quina acumulada corre hoje valendo R$ 17 milhões

IPCA

Inflação mais fraca em junho tira pressão do dólar e dos DIs, mas ainda não afeta projeções para Selic

10 de julho de 2024 - 11:46

IPCA mensal desacelerou de 0,46% para 0,21% na passagem de maio para junho; analistas esperavam inflação de 0,32%

LOTERIAS

Lotofácil faz primeiro milionário da semana; Quina acumula e paga mais que a Mega-Sena hoje

10 de julho de 2024 - 5:53

A máquina de milionários da Lotofácil voltou a funcionar na noite de terça-feira; calendário da Mega-Sena está diferente, mas é só nesta semana

PESQUISA BGC

Mercado acha que Lula não vai cumprir meta fiscal de 2024 e maioria espera que cortes feitos não mexam com os negócios

9 de julho de 2024 - 17:01

Do total de entrevistados, 46% acreditam que a meta fiscal de 2024 será alterada no quarto trimestre, enquanto 19% acham que a revisão virá um pouco antes, no terceiro trimestre

Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies

Continuar e fechar