🔴 É HOJE! COMO COMPRAR CARROS COM ATÉ 50% DE DESCONTO NA TABELA FIPE – CONHEÇA A ESTRATÉGIA

Renan Sousa
Renan Sousa
É repórter do Seu Dinheiro. Formado em jornalismo na Universidade de São Paulo (ECA-USP) e já passou pela Editora Globo e SpaceMoney. Twitter: @Renan_SanSousa
PRESSÃO NOS PREÇOS

Bitcoin (BTC) cai e atinge menor nível em quase um mês — mesmo depois de uma ótima notícia para o mercado de criptomoedas

A maior moeda digital do planeta é um ativo sensível às variações macroeconômicas e as tensões internacionais não facilitam

Renan Sousa
Renan Sousa
16 de abril de 2024
10:48 - atualizado às 10:16
Hong Kong vira 'oásis' para bitcoin (BTC)
Imagem: Montagem Seu Dinheiro

O bitcoin (BTC) começou a terça-feira (16) em queda, chegando a tocar o patamar de US$ 62 mil nas primeiras horas da manhã no Brasil. Esse é o menor nível de preços desde meados de março deste ano, quando houve um ajuste após o BTC atingir as máximas históricas.

As criptomoedas enfrentam mais um dia difícil da semana pré-halving — quando a recompensa pela mineração da criptomoeda cai pela metade.

Vale lembrar que o bitcoin é um ativo sensível às questões macroeconômicas — e tensões internacionais não faltam. Só a perspectiva de que os juros nos Estados Unidos não devem cair são suficientes para afetar os preços, mas as guerras contribuem para um cenário mais caótico. 

A recente investida do Irã contra Israel, que já estava em conflito com o grupo palestino Hamas, além da esquecida guerra da Rússia contra Ucrânia elevam os temores de uma escalada global dos conflitos.

Como efeito, os investidores passaram a liquidar ativos mais arriscados — como ações e criptomoedas — e migraram para segmentos mais seguros, como o dólar e o ouro, por exemplo. 

Veja como se comportam as dez maiores criptomoedas do mundo hoje: 

#Nome (Símbolo)PreçoVariação 24hVariação 7dVariação YTD
1Bitcoin (BTC)US$ 63.180,63-4,59%-10,77%49,43%
2Ethereum (ETH)US$ 3.082,11-4,97%-15,18%35,07%
3Tether (USDT)US$ 1,00-0,06%0,03%0,04%
4BNB (BNB)US$ 543,96-6,35%-6,78%74,13%
5Solana (SOL)US$ 134,83-10,87%-23,36%32,82%
6USDC (USDC)US$ 1,000,02%0,01%0,00%
7XRP (XRP)US$ 0,4894-4,62%-22,64%-20,41%
8Dogecoin (DOGE)US$ 0,155-4,76%-20,86%73,24%
9Toncoin (TON)US$ 6,25-11,89%-7,92%170,52%
10Cardano (ADA)US$ 0,462-5,15%-24,95%22,25%
Fonte: Coin Market Cap

ETF de bitcoin é aprovado em Hong Kong

A desvalorização do dia contrasta com uma boa notícia para o mercado.

Na última segunda-feira (15), a CVM de Hong Kong aprovou os primeiros ETFs de bitcoin e ethereum à vista (spot) da região. 

Em janeiro deste ano, os EUA aprovaram seus primeiros produtos do tipo, o que impulsionou os preços do BTC. A expectativa é de que o ETF de ETH norte-americano seja aprovado no segundo semestre. 

Antes dessa aprovação, a Matrixport, empresa do ramo de criptomoedas sediada em Cingapura, havia especulado que os ETFs poderiam atrair cerca de US$ 25 bilhões e aumentar a demanda por BTC.

De acordo com dados do The Block Data, das 21 milhões de unidades existentes de bitcoin no mundo, cerca de 4% — ou 840 mil BTCs — estão nas mãos de gestoras que cuidam dos ETFs de bitcoin dos EUA. Ao enxugar a oferta de criptomoedas no mercado, os preços à vista do BTC tendem a subir. 

Outro lado da (cripto) moeda

Contudo, Eric Balchunas, analista sênior de ETF da Bloomberg e nome conhecido nas redes sociais, enfatizou que os fundos de Hong Kong teriam "sorte" em obter cerca de US$ 500 milhões em fluxos totais.

Em primeiro lugar, Balchunas disse que o mercado geral de ETFs de Hong Kong é relativamente pequeno, avaliado em apenas US$ 50 bilhões, e os residentes chineses geralmente não têm permissão para investir nesses ETFs oficialmente

O analista ainda destaca que o mercado estava otimista demais, esperando uma reação parecida como quando os fundos foram aprovados nos EUA, mas para um país muito menor.

Compartilhe

NAS MÃOS DO BC

Faltam apenas três passos para que o Banco Central regule o mercado de criptomoedas no Brasil; confira o cronograma

20 de maio de 2024 - 17:31

A instituição ressalta que deve dar atenção especial às regras de prevenção à lavagem de dinheiro e financiamento de terrorismo

SUBSTITUIÇÃO

CEO do maior fundo de bitcoin (BTC) do mundo renuncia em meio à debandada de investidores do GBTC

20 de maio de 2024 - 14:24

Quem assumirá seu lugar interinamente será Peter Mintzberg da empresa a partir de agosto, além de se juntar ao conselho de administração da Grayscale

VAI APAGAR A LUZ

Venezuela vai desligar máquinas de mineração de bitcoin (BTC) no país; você deveria se preocupar?

20 de maio de 2024 - 9:32

Vale lembrar que a Venezuela é um país que sofre várias sanções internacionais, o que limita a capacidade de geração e distribuição de energia para a população

APÓS A TEMPESTADE

Colhendo os cacos do Inverno das Criptomoedas: plataforma de staking da Gemini deve começar a devolver ativos dos clientes neste mês

19 de maio de 2024 - 12:44

O anúncio foi feito após a Justiça aprovar o plano de recuperação judicial do Digital Currency Group (DCG)

ESPERE E VERÁ

Bitcoin (BTC) em alta — e vai continuar: companhia de pesquisa em criptomoedas identifica possível “efeito FTX” no preço dos ativos digitais

16 de maio de 2024 - 11:46

Recentemente, a FTX anunciou que pagaria — com juros — os montantes devidos aos clientes, algo entre US$ 14,5 bilhões e US$ 16,3 bilhões

QUEDA DOS IMPÉRIOS

Os Faraós do Inverno Cripto: Como a prisão de três magnatas do mundo das criptomoedas influencia na regulação global do mercado?

16 de maio de 2024 - 6:15

Se, por um lado, muitas pessoas foram prejudicadas por esses eventos, por outro, ficou clara a necessidade de uma regulação mais dura em relação a esse mercado

ACELERANDO ALTA

Bitcoin (BTC) salta e busca US$ 65 mil após inflação dos EUA diminuir ritmo de alta — agora, quando os juros irão cair?

15 de maio de 2024 - 11:13

De acordo com as estimativas do CME Group, as chances de o primeiro corte de juros acontecer em setembro são de mais de 50%

SOBE E DESCE

Entenda como ‘efeito GameStop’ fez criptomoeda saltar mesmo com dia de queda nos preços do bitcoin (BTC)

14 de maio de 2024 - 16:33

A volta das “meme stocks” fez ressurgir o mercado das memecoins, as criptomoedas nascidas de piadas na internet

MAIOR ALTA DA SEMANA

Render (RNDR): quem é a criptomoeda que deixou o bitcoin (BTC) no chinelo com alta de mais de 40% na semana?

7 de maio de 2024 - 10:55

Em um relatório do começo deste ano, a Empiricus fez um relatório explicando o porquê de essa criptomoeda se destacar ante às demais

CRYPTO INSIGHTS

O embate mais importante do mundo das criptomoedas: Desafios regulatórios colocam SEC e empresas de cripto em lados opostos do tabuleiro

7 de maio de 2024 - 8:18

Na minha opinião esse nível de excesso regulatório destrói completamente a credibilidade da SEC e influencia diretamente nas eleições

Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies

Continuar e fechar