🔴 É HOJE! COMO COMPRAR CARROS COM ATÉ 50% DE DESCONTO NA TABELA FIPE – CONHEÇA A ESTRATÉGIA

Os sinais favoritos para entender o curto prazo do bitcoin (BTC)

A tendência macroeconômica é de expansão de liquidez, e os indicadores de curto prazo que mais gosto estão favorecendo a tese de que estamos próximos do fundo local para a mais recente correção do mercado

14 de maio de 2024
19:17 - atualizado às 9:46
criptomoedas cripto bitcoin btc
Imagem: Canva

Serei breve e direto ao ponto neste Crypto Insights. 

Muito tem se especulado sobre o momento dos criptoativos atualmente. Será que é o fim deste ciclo? Será que já esgotamos as narrativas? Os dados macroeconômicos irão ditar os preços daqui para frente? São essas as perguntas que mais tenho visto no X. Estamos domados pelo espírito da impaciência, e eu irei propor um caminho melhor. Com dados.

Primeiro de tudo, se você tiver o horizonte temporal mínimo de um ano, eu afirmo, com um bom grau de confiança que vale a pena comprar bitocin (BTC), e altcoins, agora. A tendência macroeconômica é de expansão de liquidez, e os indicadores de curto prazo que mais gosto estão favorecendo a tese de que estamos próximos do fundo local para a mais recente correção do mercado. 

O primeiro indicador é um índice de força relativa da quantia de posições em stablecoins (dólar, ou caixa). Ele tem um bom percentual de acerto ao prever topos e fundos locais, ao sinalizar que os participantes do mercado estão com mais "pólvora" para engatar em novas posições de bitcoin, e seguirem pressionando preços para cima.

O cruzamento de médias desse índice sinaliza compra ou venda, e a proximidade dos níveis horizontais indica a intensidade do sinal. 

  • Se você tem R$ 5 mil na conta, já pode buscar se tornar milionário. Economista do Insper detectou criptomoedas com potencial de multiplicarem por até 400x o investimento inicial. Clique aqui e veja como acessar.

Fonte: Glassnode

O segundo indicador, que mede tendências no percentual de lucro dos investidores de bitcoin, também nos dá a impressão de estarmos bem próximos ao fundo local. Em janeiro, as médias de 30 e 360 dias do percentual de investidores com lucro superaram a média de lucro histórica, característica de bull markets passados.

A média de 30 dias, que fala sobre a tendência de lucro no curto prazo, oscila com uma frequência maior, servindo como um bom indicador de topos e fundos locais. As barras verdes e vermelhas mostram a aceleração e desaceleração de lucro ou prejuízo.

O ponto aqui é achar momentos de inversão da tendência de curto prazo, e atualmente, parece que já estamos próximos de engatar em mais valorizações em breve.

Fonte: Glassnode 

Se adotarmos essa mesma perspectiva de cruzamento de médias para o MVRV (valor de mercado do bitcoin sobre o valor de compra médio), um múltiplo de lucro geral do mercado, vemos que o MVRV está se estabilizando acima de 2, e a média de 30 dias (em vermelho), que cruza abaixo das médias longas de 60 e 90 dias, começando a arrefecer.

Uma vez que estamos em um bull market, com expansão da base monetária ao redor do mundo, esse MVRV deve continuar subindo nos próximos meses.

Fonte: Glassnode

Esses são os indicadores que mais gosto para me guiar pelo curto prazo. Agora, isso não é nada comparado aos gráficos que trarei na sessão do Gráficos da Semana. Se você não está bullish, talvez eles te convençam.

Variações semanais (08/04/24 a 15/04/24) 

  • Bitcoin (BTC)

Preço: US$ 61.100 | Var. -4,00%

  • Ethereum (ETH)

Preço: US$ 2.977 | Var. -6,68%

  • Dominância Bitcoin: 54,95% (Var. +0,12%)

*Dados referentes ao fechamento em 14/05/24

  • Ainda é possível ficar milionário com criptomoedas depois do Halving? Especialista afirma que sim, e basta começar com R$ 5 mil; veja mais detalhes clicando aqui.

Tópicos da semana: além do bitcoin

  • Jarvis da vida real: Em um anúncio feito ontem pela OpenAI, a empresa revelou o novo modelo de IA GPT-4o, junto a uma melhoria notória nos sistemas de voz, que permite interação sem lag entre as respostas. A impressão é de que o usuário está interagindo com uma espécie de Jarvis (a IA do do homem de ferro). Além disso, a OpenAI anunciou o lançamento de uma versão desktop do ChatGPT, que permitirá uma interação ainda mais ampla com o modelo GPT-4o.
  • Ídolo da internet que virou filme está de volta: Roaring Kitty (o gatinho que ruge), uma figura peculiar e central no drama das ações da GameStop (assista "Dinheiro Fácil"), publicou no X, ontem. Isso provocou uma reação significativa entre as moedas de memes, e na própria ação da varejista de jogos, que dobrou de preço nos últimos dias, causando, mais uma vez, um prejuízo bilionário em fundos de multimercado que apostaram na queda da ação.
  • Semana crucial para cripto: no dia 15 de maio, quarta-feira, saem os dados de inflação ao consumidor amplo nos EUA. O CPI não é o indicador de inflação mais importante para a tomada de decisão do Federal Reserve quanto a juros (que é o PCE), porém nos dá uma boa ideia de como será o PCE. Se houver surpresas, isso deverá mexer bem o mercado. 

Gráficos da semana  

Às vezes… muitas vezes, na verdade, imagens representam melhor o nosso predicado do que teses escritas. Pois bem, não irei escrever muito, só sugiro que você tenha um pouco de perspectiva antes de sair vendendo tudo por estar com medo.

Performance do BTC após diferentes halvings

Fonte: Glassnode 

As grandes valorizações não vêm na hora que queremos; elas vêm quando a expansão de liquidez proporciona um maior apetite para o risco do mercado. Estamos em um momento de inflexão positiva do nível de liquidez global, assim como em pós-halvings anteriores. Entretanto, o efeito no preço não deverá ser sentido por mais alguns meses… mas afinal, você não queria comprar antes disso? Ou prefere durante? Pense bem sobre isso.

Quantos dias após o halving vimos grandes valorizações? 

Um grande abraço, 

Valter Rebelo

  • Segundo Valter Rebelo, os números não mentem: agora é hora certa para comprar criptomoedas. E o especialista fez mais do que demonstrar isso: ele selecionou as moedas mais promissoras do mercado para buscar até R$ 2 milhões. Clique AQUI e veja como acessar.

Compartilhe

EXILE ON WALL STREET

Felipe Miranda: Dez anos de “O Fim do Brasil”

20 de maio de 2024 - 20:01

Dez anos de lançamento de “O Fim do Brasil” e, afinal, a que fim chegou a economia do Brasil? Estamos em queda livre em direção ao pior?

Especial IR

Me mudei para Portugal, mas não entreguei a Declaração de Saída Definitiva do País; como regularizar a situação?

18 de maio de 2024 - 8:00

Documento serve para encerrar as obrigações fiscais do contribuinte no Brasil, mas este leitor não a entregou e agora recebeu uma herança

SEXTOU COM O RUY

A Petrobras (PETR4) desabou mais uma vez: surge uma barganha na bolsa com dividendos bilionários?

17 de maio de 2024 - 6:04

Nas últimas várias trocas no comando da Petrobras, não tivemos grandes mudanças no dia a dia da companhia, o que inclusive permitiu ótimos pagamentos de dividendos nos últimos anos, mesmo com CEOs distintos — será que agora também vai ser assim?

INSIGHTS ASSIMÉTRICOS

Vai piorar antes de melhorar? Milei começa a arrumar uma Argentina economicamente destruída

14 de maio de 2024 - 6:01

Em poucos meses, Milei conseguiu diminuir inflação, cortar os juros e aumentar reservas do Banco Central da Argentina, mas custo social é alto

EXILE ON WALL STREET

Felipe Miranda: O real vai morrer aos 30?

13 de maio de 2024 - 20:01

A decisão do Copom na semana passada foi inequivocamente ruim. Quando você tem um colegiado dividido entre os “novos” e os “velhos”, alimentam-se os piores medos. O Copom deveria saber disso.

Especial IR

Dúvidas cruéis sobre declaração de ações no IR: isenção, retificação, mudança de ticker, prejuízos e investimento no exterior

11 de maio de 2024 - 8:00

A Dinheirista responde algumas das suas dúvidas mais cabeludas sobre como declarar ações no imposto de renda

SEXTOU COM O RUY

Bolsa barata não basta: enquanto os astros locais não se alinham, esses ativos são indispensáveis para a sua carteira

10 de maio de 2024 - 6:07

Eu sei que você não tem sangue de barata para deixar todo o patrimônio em ações brasileiras – eu também não me sinto confortável em ver os meus ativos caindo. Mas há opções para amenizar as turbulências internas.

EXILE ON WALL STREET

Rodolfo Amstalden: Selic — uma decisão com base em dados, não em datas

8 de maio de 2024 - 16:42

Hoje em dia, ao que parece, tudo tem que terminar cedo, e bebidas alcoólicas são proibidas. Por conseguinte, os debates deram lugar a decisões secas e comunicados pragmáticos

INSIGHTS ASSIMÉTRICOS

Divididos entre o conservadorismo salutar e a cautela exagerada, Copom e Campos Neto enfrentam um dilema

7 de maio de 2024 - 6:18

Os próximos passos do Copom dependem, em grande medida, da reação da economia norte-americana à política monetária do Fed

EXILE ON WALL STREET

Tony Volpon: Mantendo a esperança nas bolsas americanas

6 de maio de 2024 - 20:01

Começamos maio de forma bem mais positiva do que foi abril — sigo uma regra que, se não infalível, tem uma taxa de acerto bastante alta: se o payroll for positivo, o mês será positivo para as bolsas americanas

Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies

Continuar e fechar