🔴 É HOJE! COMO BUSCAR ATÉ R$ 2 MIL DE RENDA EXTRA TODO OS DIAS – CONHEÇA A ESTRATÉGIA

Estadão Conteúdo
Trabalho remoto em xeque

Dell aprova home office para funcionários, mas avisa: só quem for ao escritório será promovido

Funcionários acreditam que mudança na política de trabalho remoto na verdade se destina a levar trabalhadores a pedirem demissão

Estadão Conteúdo
31 de março de 2024
12:21 - atualizado às 12:25
Sede da fabricante de computadores Dell em Round Rock, Texas, EUA
Sede da fabricante de computadores Dell em Round Rock, Texas, EUA. - Imagem: Jjpwiki/Wikimedia Commons

A fabricante de computadores Dell atualizou em fevereiro passado a sua política de trabalho remoto, tida como uma das mais flexíveis do mercado de tecnologia, mesmo antes da pandemia de covid-19. Agora, as regras ficaram mais rígidas.

Segundo informações obtidas pelo portal Business Insider e publicadas na semana passada, funcionários da Dell que optarem por permanecer em trabalho remoto integral (ou seja, todos os dias da semana) não estarão aptos para mudanças de trabalho ou mesmo para disputar promoções.

Para os trabalhadores da Dell, a outra opção é o modelo híbrido de trabalho, no qual a Dell considera que seja de pelo menos 39 dias presenciais em um trimestre (algo como três vezes durante a semana).

Em comunicado interno, a Dell afirma: "Para os membros de equipes remotas, é importante entender as desvantagens: avanço na carreira, incluindo se inscrever em novas posições na companhia, vão exigir que o membro seja reclassificado para um time híbrido."

Já ao Business Insider, a companhia de tecnologia diz que "conexões em pessoa, junto com uma estratégia flexível, são essenciais para impulsionar a inovação e diferenciação de valor."

  • Você está satisfeito com a sua carreira? Baixe o guia especial gratuito do Money Times, portal parceiro do Seu Dinheiro, para saber como você pode alcançar cargos mais altos e conseguir promoções melhores na sua área de atuação.

Empregados da Dell reclamam

Funcionários em condição de anonimato reclamaram ao Business Insider sobre a nova política.

"Estamos sendo forçados a uma posição em que ou ficaremos como o homem mais baixo no totem, o primeiro a ser cortado quando se trata de redução da força de trabalho, ou podemos ser híbridos e trabalhar vários dias por semana, o que realmente afeta muitos de nós", disse um empregado da Dell.

Já outros empregados acreditam que essa é uma forma de forçar uma demissão dos trabalhadores, sem que a empresa tenha que realizar cortes e demissões em massa.

"Não se trata de cultura. Ponto final", disse um funcionário da Dell ao Business Insider. "Há cortes de pessoal que precisam acontecer, e estamos sofrendo. Se as pessoas saírem por conta própria, eles não precisam pagar indenização."

Empresas de tecnologia abandonam trabalho remoto após a pandemia

Essa estratégia difere do que vinha pregando a Dell nos últimos anos.

Em 2021, o fundador da empresa, Michael Dell, defendeu a cultura do trabalho remoto, dizendo que "está aqui para ficar, absolutamente". Depois, ele foi ao LinkedIn criticar empresas que impunham uma política de retorno aos escritórios:

"Se você está contando com as horas forçadas gastas em um escritório tradicional para criar colaboração e proporcionar um sentimento de pertencimento dentro da sua organização, você está fazendo isso errado."

Michael Dell, fundador da Dell, em post no LinkedIn.

Em 2022, relembra o Business Insider, a companhia afirmava que a meta era ter 60% do pessoal trabalhando de forma remota em algum dia.

Essa flexibilidade começou a mudar em março de 2023, quando funcionários morando a uma hora do escritório foram obrigados a comparecer três dias por semana no escritório.

Ao mesmo tempo, a Dell acompanha a tendência de outras empresas de tecnologia, que vêm abandonando o trabalho remoto.

O Zoom, por exemplo, conhecido pela plataforma de videoconferências que se popularizou na pandemia, afirmou que está trazendo funcionários para os escritórios para que "sintam a dor do presencial", de modo que os empregados possam atender melhor às expectativas dos clientes da empresa.

Entre as grandes companhias de tecnologia, a Microsoft é a única a insistir no modelo remoto ou híbrido.

Compartilhe

PRIMEIRO EMPREGO

Mercedes-Benz, Tribunal do Trabalho e mais empresas têm vagas para estágio e trainee; veja oportunidades com bolsa-auxílio de até R$ 6,5 mil

27 de maio de 2024 - 13:46

Os aprovados nos programas de estágio devem começar a atuar a partir do segundo semestre de 2024; as inscrições ocorrem durante todo o ano

ATENÇÃO, ESTUDANTES

Inscrições para o Enem 2024 começam nesta segunda-feira — veja o que você precisa saber para o vestibular

27 de maio de 2024 - 8:17

O Enem 2024 será aplicado em todos os estados e no Distrito Federal nos dias 3 e 10 de novembro; confira as principais datas

TRILHAS DE CARREIRA

Como Scarlett Johansson e sua voz me ensinaram a lidar com a frustração (muito antes da inteligência artificial)

25 de maio de 2024 - 12:13

A seguir, o diálogo que me ensinou na prática sobre comunicação e como recusar a um pedido – talvez com um leve toque de deboche por parte da atriz

CHEGOU A HORA

Concurso público da Caixa será realizado neste domingo (26), e o local das provas já pode ser consultado; veja tudo que você precisa saber sobre o exame

24 de maio de 2024 - 13:15

O concurso público da Caixa disponibiliza mais de 4 mil vagas para as áreas de Técnico Bancário Novo, Engenharia de Segurança do Trabalho e Medicina do Trabalho

ATENÇÃO, CONCURSEIROS

Governo define nova data para o Enem dos Concursos Públicos; saiba como conferir os locais das provas

23 de maio de 2024 - 13:14

O Concurso Público Nacional Unificado foi adiado devido às enchentes no Rio Grande do Sul. Os concurseiros deverão checar novamente os locais dos exames, que podem ter sido alterados.

NOVA OPORTUNIDADE

Com salário inicial de R$ 9 mil, Codevasf abre inscrições para concurso público; confira tudo o que você precisa saber sobre o exame

21 de maio de 2024 - 14:01

O concurso público da Codevasf é voltado para cargos de nível superior e disponibilizará 61 vagas para atuar na instituição

PRIMEIRO EMPREGO

Henkel, Tenda, Itaú e mais empresas têm vagas para estágio e trainee; veja oportunidades com bolsa-auxílio de até R$ 6,5 mil

20 de maio de 2024 - 12:13

Os aprovados nos programas de estágio devem começar a atuar a partir do segundo semestre de 2024; as inscrições ocorrem durante todo o ano

PRIMEIRO EMPREGO

Softys, Tenda, Denso e mais empresas têm vagas para estágio e trainee; veja oportunidades com bolsa-auxílio de até R$ 2,4 mil

13 de maio de 2024 - 11:30

Os aprovados nos programas de estágio devem começar a atuar a partir do segundo semestre de 2024; as inscrições ocorrem durante todo o ano

TRILHAS DE CARREIRA

Liberdade de expressão nas redes sociais: até onde você pode ir sem perder o emprego?

12 de maio de 2024 - 6:49

Do Show da Madonna, a tragédia no Rio Grande do Sul, basta uma zapeada rápida pelas redes sociais para encontrar centenas de “especialistas” nesses temas

PRIMEIRO EMPREGO

Mercedes-Benz, Softys, Tenda e mais empresas têm vagas para estágio e trainee; veja oportunidades com bolsa-auxílio de até R$ 2,4 mil

6 de maio de 2024 - 12:03

Os aprovados nos programas de estágio devem começar a atuar a partir do segundo semestre de 2024; as inscrições ocorrem durante todo o ano

Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies

Continuar e fechar