🔴 ALGORITMO MOSTRA COMO BUSCAR ATÉ R$ 3 MIL POR DIA – CONHEÇA

Isabelle Santos
Isabelle Santos
Comunicóloga formada pela Universidade Estadual de Santa Cruz (UESC). É redatora do Money Times, Seu Dinheiro e Empiricus.
Conteúdo Empiricus

‘Minha Casa, Minha Vida’ está de volta e pode beneficiar Direcional (DIRR3) e Cury (CURY3), mas a grande promessa do setor é outra ação; saiba qual

Embora as construtoras do segmento baixa renda sejam as mais beneficiadas pelo programa do governo, analistas recomendam outra empresa para quem deseja investir no setor

Isabelle Santos
Isabelle Santos
15 de fevereiro de 2023
10:00 - atualizado às 16:53
Direcional Engenharia
Imagem: Shutterstock

Nesta terça-feira (14), o Governo Federal relança o “Minha Casa, Minha Vida”, programa habitacional que havia mudado de nome durante a gestão de Jair Bolsonaro.

Na ocasião, o presidente Lula também deverá assinar uma ordem de serviço para a retomada de 5 mil obras. A meta do governo é entregar 170 mil casas até o fim deste ano. 

Aparentemente, a volta do programa foi uma boa notícia não só para pessoas de baixa renda que desejam ter uma casa própria, mas também pode representar um ponto de retomada para o setor de construção civil

No último ano, incorporadoras e construtoras passaram por maus bocados com a escalada da taxa de juros no país. Entretanto, o “Minha Casa, Minha Vida” pode beneficiar algumas empresas do setor, em especial as construtoras de baixa renda como Direcional (DIRR3) e Cury (CURY3). 

Apesar disso, quando o assunto é exposição ao setor de construção civil, os analistas da Empiricus Research avaliam que outra ação é a “top pick” (melhor escolha) do segmento. 

Trata-se de uma empresa sólida, que vem entregando bons resultados e pode pagar dividendos de dois dígitos em 2023. 

A melhor ação do setor de construção civil não depende do “Minha Casa, Minha Vida” 

O setor de construção civil é considerado um dos mais cíclicos do mercado. Ou seja, o desempenho deste segmento está diretamente ligado ao momento econômico do país. 

Assim, em cenários como os de agora, com inflação e taxa de juros altos, o setor tende a ser prejudicado, visto que a obtenção de crédito encarece e acaba impactando a venda de imóveis. 

Nesse sentido, programas como o “Minha Casa, Minha Vida” costumam dar fôlego a empresas deste setor. Afinal, ao subsidiar os juros do financiamento, o Estado tem meios para garantir que as obras continuem mesmo em períodos difíceis do ponto de vista econômico. 

Contudo, é importante salientar que não são todas as construtoras e incorporadoras que se beneficiam de programas como esses. 

A empresa cuja ação é considerada “top pick” do setor, por exemplo, não participa do programa. Isso porque a sua atuação é focada em empreendimentos de alta renda. 

Esse talvez seja um dos motivos que chama atenção dos analistas da Empiricus Research. 

Apesar desses altos e baixos característicos do setor e de um cenário macroeconômico difícil no último ano, esta construtora tem apresentado bons resultados de vendas. 

No 3T22 a empresa capturou R$ 5,2 bilhões em lançamentos, um retorno 32% maior que o mesmo período de 2021 e lucro líquido de R$ 289 milhões.

Para os analistas da Empiricus Research, o desempenho da empresa é fruto de uma gestão competente na alocação de capital e disciplina financeira. 

Não é a primeira vez que o setor passa por uma crise. Entre 2015 e 2018, a inflação e a taxa Selic estavam em patamares bem elevados e, assim como outras construtoras, essa empresa foi afetada. 

Ainda assim, a companhia conseguiu entregar vendas satisfatórias, seja com margens interessantes, e prejuízos praticamente irrelevantes em 2017 e 2018 ‒ um ótimo feito considerando a conjuntura econômica daquele momento.  

Além disso, a construtora tem um perfil conservador e foco no longo prazo. Por isso, ela cuidou para reduzir seu endividamento. Hoje, a instituição tem uma boa reserva em caixa para passar por momentos de crise. 

Esse é um dos motivos pelos quais o CEO da Empiricus Research, Felipe Miranda, acredita que a empresa está “muito bem preparada mesmo diante do pior cenário, mas com um posicionamento único para capturar um novo ciclo de crescimento caso ele venha a acontecer.”.

SAIBA QUAL O NOME DA AÇÃO DE CONSTRUTORA QUE NÃO DEPENDE DO MINHA CASA, MINHA VIDA 

Ação barata e com dividendos de dois dígitos

Além de ser uma empresa com resultados sólidos, resiliência durante as crises e portfólio diferenciado, estamos falando de um construtora com excelente histórico de pagamento de dividendos

Mesmo em um setor sensível aos ciclos econômicos, nos últimos cinco anos, o dividend yield médio desta ação foi de 6,3% ao ano. Para se ter uma ideia, o Itaú (ITUB4), considerado uma das maiores referências em pagamentos de dividendos do mercado, tem uma média de 6,8% a.a. 

Os especialistas acreditam que, neste ano, a ação deve pagar dividendos acima da média. Na avaliação dos analistas, o ativo pode pagar algo na casa dos 10,02% em 2023.

Outro ponto de destaque é o preço da ação em relação ao lucro. De acordo com os analistas, a companhia negocia atualmente a 8 vezes o lucro (P/L) para 2023.

Entretanto, analisando a média dos últimos cinco anos, eles afirmam que o ativo está com um desconto de aproximadamente 47% no preço, em outras palavras está barato, veja o gráfico abaixo: 

Fonte: Koyfin

O ativo foi recomendado em 28/12/2022 no relatório “Ideias de alocação para 2023” da Empiricus Research, desde então a ação já valorizou mais de 22%. Contudo, os analistas acreditam que este ativo ainda pode entregar mais lucro aos investidores. 

Além disso, em um ano com tantas incertezas no cenário econômico, a recomendação dos especialistas é investir em ações de empresas sólidas, com crescimento no longo prazo, que não estejam vulneráveis às interferência políticas e que sejam boas pagadoras de dividendos, como a ação desta construtora.

CONHEÇA A AÇÃO DE DE CONSTRUÇÃO PARA BUSCAR DIVIDENDOS DE DOIS DÍGITOS

Geralmente, este tipo de conteúdo é exclusivo para assinantes. Contudo, a Empiricus Investimentos está oferecendo como cortesia o acesso gratuito ao relatório com o nome desta ação de construtora. 

Basta informar um endereço de e-mail neste link e seguir as instruções. 

Cortesia: veja outras 24 recomendações de investimento para 2023

Os analistas da Empiricus Research acreditam que para um ano com tantas incertezas, como parece que 2023 será, diversificar a carteira é ainda mais importante. 

Por esse motivo, além da ação de construtora, eles selecionaram 5 classes de ativos que todo investidor deveria incluir em seu portfólio este ano. Em cada categoria, ele selecionou os Top5 investimentos e revelou neste mesmo relatório que você pode acessar gratuitamente.

Ao todo, são 25 ideias de investimento para 2023 que você pode conhecer de graça como uma cortesia da Empiricus Investimentos. Para isso, basta clicar no botão abaixo e seguir as instruções: 

Compartilhe

Conteúdo Empiricus

Mesmo com a queda de 10% do Ibovespa em 2024, analista diz que pouca vezes esteve ‘tão otimista com o futuro de longo prazo do Brasil’; entenda

22 de junho de 2024 - 14:00

Queda do Ibovespa pode ser uma oportunidade para incluir ações de qualidade na carteira

Conteúdo Empiricus

Empiricus relança robô que pode gerar lucro médio de R$ 680 por dia de forma semiautomática; veja como usar

22 de junho de 2024 - 12:00

Robô usa método quantitativo para semiautomatizar operações com elevado potencial de lucros

Conteúdo Empiricus

Nvidia desbancou Microsoft e Apple para se tornar a companhia mais valiosa do mundo: até onde as ações podem ir?

22 de junho de 2024 - 8:00

Ações da fabricante de semicondutores já se valorizaram 171% em 2024 e alçaram a Nvidia ao posto de companhia mais valiosa do mundo: tem espaço para mais?

Conteúdo Empiricus

Ibovespa segue patinando nos 120 mil pontos e analista afirma: ‘se tivesse que comprar apenas uma ação, seria essa’; veja qual

21 de junho de 2024 - 16:00

Ação foi incluída em portfólio que reúne os 10 melhores papéis da bolsa e é um dos principais destaques entre as recomendações deste grupo de analistas

Conteúdo Empiricus

Média de R$ 680 por dia? Economista da FGV cria robô financeiro que pode gerar lucro com só 3 cliques

21 de junho de 2024 - 14:00

Sistema de trade semiautomático estará acessível a todos os brasileiros em breve; saiba como testar

Conteúdo Empiricus

Virada de chave do Ibovespa? Veja 4 notícias que podem animar a bolsa brasileira nos próximos meses e como se posicionar neste cenário

21 de junho de 2024 - 12:00

Depois de um primeiro semestre ruim, algumas ações de qualidade aparecem em ótimo ponto de entrada, segundo analistas; veja o que pode fazer o Ibovespa voltar a andar ainda em 2024

Conteúdo Empiricus

Responsável por carteira que já subiu 3.271% revela nova lista de criptomoedas capazes de transformar R$ 5 mil em até R$ 2 milhões

21 de junho de 2024 - 10:00

Head de ativos digitais encontrou ‘tesouros’ escondidos no mercado cripto que podem disparar até quase 40.000%

Conteúdo Empiricus

Nova ferramenta que parece videogame, mas é de buscar lucro na bolsa, gera polêmica no mercado financeiro; conheça

21 de junho de 2024 - 8:00

Renda potencial média de R$ 3 mil por dia com apenas 2 operações, apresentada pela ferramenta, chama a atenção de investidores

Conteúdo Empiricus

Selic a 10,5% não é o que muda o jogo: Copom deixa oportunidade escancarada nas estrelinhas

20 de junho de 2024 - 16:00

Projeções já apontavam para fim do ciclo de queda, mas confirmação do Copom deixa ‘recado oculto’ no ar; veja qual

Conteúdo Empiricus

Petrobras (PETR4): veja o impacto do acordo bilionário com a União no dividend yield da companhia, segundo analista

20 de junho de 2024 - 14:03

Para Ruy Hungria, da Empiricus, apesar do acordo ter sido positivo para a Petrobras, era impossível que ele fosse feito sem “nenhum ferimento” nos dividendos da estatal

Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies

Continuar e fechar