🔴 RENDA MÉDIA DE R$ 21 MIL POR MÊS COM 3 CLIQUES – SAIBA COMO

Cotações por TradingView
Seu Dinheiro
Seu Dinheiro
No Seu Dinheiro você encontra as melhores dicas, notícias e análises de investimentos para a pessoa física. Nossos jornalistas mergulham nos fatos e dizem o que acham que você deve (e não deve) fazer para multiplicar seu patrimônio. E claro, sem nada daquele economês que ninguém mais aguenta.
DESTAQUES DA BOLSA

Klabin (KLBN11) está entre as maiores quedas do Ibovespa pelo segundo dia — chegou a hora de rasgar esse papel?

As ações da empresa de papel e celulose encerraram o pregão da quinta-feira (30) como a terceira maior queda do principal índice da bolsa brasileira e continua caindo hoje; entenda o que está acontecendo

Seu Dinheiro
Seu Dinheiro
1 de dezembro de 2023
12:42 - atualizado às 12:43
Totem com o logo da Klabin (KLBN11) em frente à sede da empresa
Imagem: Divulgação

As ações da Klabin estão entre as maiores quedas do Ibovespa pelo segundo dia seguido, na esteira da divulgação das estimativas de investimentos do dia anterior. Chegou a hora de rasgar os papéis KLBN11?

Segundo o Itaú BBA, sim. O banco de investimentos rebaixou a recomendação para as ações da companhia de neutra para venda e reduziu o preço-alvo de R$ 24 para R$ 22 — o que representa uma potencial desvalorização de 2,5% em relação ao fechamento de quinta-feira (30). 

O Bank of America também manteve a indicação de venda para Klabin, com o preço-alvo ainda menor do que o do Itaú BBA: R$ 20, o que representa uma desvalorização de 10% em relação ao último fechamento. 

Por volta de 12h, as units da Klabin recuavam 5,63% na B3, cotadas a R$ 21,29 — a segunda maior queda do Ibovespa hoje, atrás apenas da Braskem (BRKM5). No ano, as units da Kablin acumulam ganho de 13%. Acompanhe nossa cobertura ao vivo de mercados

As estimativas da Klabin

A Klabin realizou ontem o Investor Day e apresentou estimativas que não agradaram os investidores — as units da empresa de papel e celulose acabaram terminando o dia com queda de 3,67%, a R$ 22,57, na terceira maior baixo do Ibovespa. 

Na ocasião, a companhia informou que os investimentos para 2023 totalizariam R$ 4,5 bilhões e que o mesmo montante seria aplicado em 2024. 

Confira os investimentos projetados pela Klabin no ano que vem:

  • Sivicultura: R$ 800 milhões em 2023 e R$ 800 milhões em 2024
  • Continuidade Operacional: R$ 1 bilhão em 2023 e 1,3 bilhão em 2024
  • Compra de Madeira em pé: R$ 400 milhões em 2023 e R$ 1,1 bilhão em 2024
  • Projetos Especiais: R$ 800 milhões em 2023 e R$ 700 milhões em 2024
  • Nova Caldeira de Monte Alegre: sem investimentos em 2023 e R$ 300 milhões em 2024
  • Puma II: R$ 1,5 bilhão em 2023 e R$ 300 milhões em 2024

VALE (VALE3) ESTÁ COM AÇÕES TÃO BARATAS E DIVIDENDOS TÃO 'GORDOS' QUE ATÉ A EMPRESA ESTÁ COMPRANDO?

De acordo com o BofA, a Klabin reduziu o investimento em 2023 para R$ 4,5 bilhões — em comparação com a orientação anterior de R$ 5,4 bilhões e a estimativa do banco de R$ 5 bilhões —, mas orientou o investimento em 2024 também em R$ 4,5 bilhões — em comparação com a estimativa do banco de R$ 3 bilhões —, já que alguns dos investimentos foram adiados deste ano.

O novo guidance de investimentos da Klabin de R$ 4,5 bilhões para 2024 inclui R$ 1,1 bilhão para aquisição de madeira em pé, um valor acima dos R$ 400 milhões deste ano e deve ser seguido por R$ 1 bilhão em média até 2028, à medida que adquire madeira de terceiros para o primeiro ciclo do Puma II. 

O que esperar da papeleira

Com base nas estimativas de investimento da Klabin, o Itaú BBA revisou as projeções para a empresa em 2024. 

Agora, o banco de investimentos espera um Ebitda (lucro antes de juros, impostos, amortização e depreciação) de R$ 6,5 bilhões ano ano que vem — uma performance 5,7% abaixo da previsão anterior. 

A projeção do Ebitda mais fraco é baseado sobretudo em um desempenho pior que o esperado para as divisões de papéis e embalagens.

"A Klabin também anunciou os planos de reforma da caldeira de Monte Alegre e de compra de madeira de terceiros, a serem realizados nos próximos anos, o que pode limitar a geração de caixa da companhia", diz o Itaú BBA em relatório. 

Compartilhe

SEM EXCESSO

XP (XPBR31) vai enxugar US$ 9 bilhões do capital e apenas um acionista será restituído

21 de fevereiro de 2024 - 19:12

A operação foi aprovada nesta quarta-feira (21) em assembleia; confira os detalhes e o que levou a corretora a optar por essa redução

SINAL VERDE

Acionistas da Hypera (HYPE3) aprovam aumento de capital de R$ 4,5 bilhões; veja como será feita a operação

21 de fevereiro de 2024 - 19:06

A operação será realizada sem a emissão de novas ações e por meio da capitalização de uma parte da reserva de incentivos fiscais da companhia

EM RECUPERAÇÃO JUDICIAL

Fim do calvário? Oi (OIBR3) dispara 124% em fevereiro e mira R$ 1 bilhão em valor de mercado. Veja o que está por trás da alta das ações

21 de fevereiro de 2024 - 15:06

A operadora atingiu um valor de mercado de R$ 941,78 milhões — o nível mais alto desde que a empresa entrou com o novo pedido de reestruturação de dívidas

AÇO FORTE

Por que as ações da Gerdau (GGBR4) sobem na B3 apesar do lucro menor 4T23?

21 de fevereiro de 2024 - 14:47

Resultados da Gerdau (GGBR4) tiveram impactos da importação de aço na China e crise inflacionária na Argentina, mas vieram dentro do esperado

AQUECIMENTO

A campeã voltou? Weg (WEGE3) supera as projeções no 4T23 e ações lideram o Ibovespa

21 de fevereiro de 2024 - 13:10

Lucro de R$ 1,75 bilhão da Weg (WEGE3) fica 30% acima do esperado pelo mercado, com melhora em praticamente todas as divisões

CONFIRA OS NÚMEROS

Iguatemi (IGTI11) divulga balanço sólido e ações têm desconto ante uma rival na bolsa, apontam analistas; é hora de comprar?

21 de fevereiro de 2024 - 12:34

A companhia divulgou ontem os números do quarto trimestre e também um guidance dos resultados projetados para 2024

DANÇA DAS CADEIRAS

De saída: CEO da Taesa (TAEE11) renuncia ao cargo após três anos no controle da elétrica; veja quem vai assumir a posição

21 de fevereiro de 2024 - 12:13

Desde 2020 na posição, o atual CEO da empresa de energia, André Augusto Telles Moreira, apresentou hoje a renúncia

DEVO, NÃO NEGO...

Unigel entra com plano de recuperação extrajudicial para reestruturar R$ 3,9 bilhões em dívidas

21 de fevereiro de 2024 - 8:40

Indústria química obteve a adesão de pouco mais de um terço dos credores e agora tem 90 dias para aprovar plano de recuperação extrajudicial; veja a proposta

NÃO VAMOS DOBRAR A META?

Por que a Vamos (VAMO3) abandonou de vez o plano de atingir uma frota com 100 mil ativos até 2025

20 de fevereiro de 2024 - 19:50

A meta havia se tornado pública em entrevista concedida pelo CEO da empresa, Gustavo Couto, em meados do ano passado

CONFIRA O CRONOGRAMA

Weg (WEGE3) libera R$ 1,3 bilhão em dividendos extras e data de corte para ter direito à bolada está próxima

20 de fevereiro de 2024 - 19:07

O dinheiro sera depositado na mesma data em que os juros sobre o capital próprio anunciados em dezembro do ano passado

Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies