🔴 RENDA MÉDIA DE R$ 21 MIL POR MÊS COM 3 CLIQUES – SAIBA COMO

Cotações por TradingView
Liliane de Lima
É repórter do Seu Dinheiro. Jornalista formada pela PUC-SP, já passou pelo portal DCI e setor de análise política da XP Investimentos.
DESTAQUES DA BOLSA

Frigoríficos brilham na B3, com investidores de olho em balanços; BRF (BRFS3) dispara mais de 10%

Na semana passada, a BRF anunciou a contratação de bancos para a estruturação de um Fundo de Investimentos em Direitos Creditórios (FIDC)

Liliane de Lima
6 de novembro de 2023
16:59 - atualizado às 17:00
BRF
BRF - Imagem: Shutterstock

Em dia de agenda macroeconômica esvaziada, a temporada de balanços — que promete ser agitada nesta semana — ganha força e beneficia o setor de frigoríficos nesta segunda-feira (6). 

A BRF (BRFS3) salta mais de 10% no pregão, e as demais companhias operam com alta superior a 2%. Sem novidades no setor, os papéis são impulsionados, principalmente, por expectativas sobre os resultados do terceiro trimestre. O Ibovespa sustenta os 118 mil pontos. 

Confira o desempenho dos frigoríficos na B3: 

CÓDIGONOMEULTVAR
BRFS3BRF ONR$ 12,6511,55%
MRFG3Marfrig ONR$ 7,206,82%
BEEF3Minerva ONR$ 8,083,72%
JBSS3JBS ONR$ 21,372,49%
Fonte: B3; cotações às 16h50 (horário de Brasília)

Segundo o analista Rafael Passos, da Ajax Asset Management, os resultados da Pilgrim’s Pride, subsidiária da JBS (JBSS3) nos Estados Unidos, na semana passada, já trouxeram “uma surpresa bem positiva” e perspectiva de melhora no setor. 

Apesar dos resultados fracos no segundo trimestre, os analistas estimam que o “pior já passou” e que os frigoríficos devem apresentar recuperação — pela queda nos preços do gado e diversificação geográfica entre as empresas, como alguns dos fatores. 

Minerva (BEEF3) deve ser a primeira a apresentar os números obtidos entre julho e setembro, com data prevista para a próxima quarta-feira (8). BRF (BRFS3), JBS (JBSS3) e Marfrig (MRFG3) reportam no dia 13 de novembro.

Vale destacar que BRF (BRFS3) anunciou a contratação de bancos para a estruturação de um Fundo de Investimentos em Direitos Creditórios (FIDC) com um montante de, no mínimo, R$ 800 milhões. 

UBS Brasil, Bradesco BBI, Itaú BBA e Rabobank Brasil são as instituições financeiras que devem assessorar a companhia. 

De acordo com a BRF, o novo fundo será estruturado para substituir e dar continuidade ao FIDC Clientes BRF, que tem amortização prevista para dezembro de 2023. 

ONDE INVESTIR EM NOVEMBRO: AÇÕES, DIVIDENDOS, FIIs, BDRs, CRIPTOMOEDAS - VEJA INDICAÇÕES GRATUITAS

Além de BRF (BRFS3): outros destaques da B3 hoje

Enquanto os frigoríficos disparam e lideram a ponta positiva do Ibovespa, as companhias mais sensíveis aos juros recuam em bloco — como é o caso do setor de varejo, com destaque para Magazine Luiza (MGLU3), com queda próxima a 5%. 

Mas os resultados trimestrais também pesam sobre as companhias. As ações da CVC, (CVCB3), por exemplo, caem 7,38%, a R$ 3,01, na B3 em reação ao balanço divulgado na última sexta-feira (3). 

A CVC reportou prejuízo líquido de R$ 87,5 milhões entre julho e setembro, um resultado 16,6% pior em relação ao prejuízo líquido de R$ 75 milhões reportado no mesmo período de 2022.

O lucro antes dos juros, impostos, amortização e depreciação (Ebitda) da companhia somou R$ 19,7 milhões no período, o que representa um recuo de 61,2% em base anual.

No caso da Gol (GOLL4), as expectativas otimistas para o resultado trimestral foram ofuscadas pelas surpresas negativas com as projeções da companhia. A empresa reduziu a estimativa de receita líquida total de R$ 19,3 bilhões para R$ 19 bilhões neste ano. A margem Ebitda projetada também recuou de 25% para 24%.

A estimativa de dívida financeira para este ano, porém, foi mantida em US$ 2,7 bilhões, com relação entre dívida líquida/Ebitda de 4x. Na visão de analistas da XP, a alavancagem da empresa permanece elevada.

A companhia aérea reportou prejuízo líquido de R$ 1,3 bilhão no terceiro trimestre, uma melhora de 16% na comparação com o mesmo período do ano anterior. As ações da Gol (GOLL4) recuam 4,78%, a R$ 8,34, na B3.

Compartilhe

VEJA QUAL

Adeus, Nubank: Itaú BBA tira fintech da carteira Top 5 e coloca ações de outro banco no lugar

21 de fevereiro de 2024 - 15:29

Os analistas ainda gostam da tese do banco digital, mas preferiram realizar lucro e buscar uma opção mais defensiva para o cenário atual

MERCADOS HOJE

Bolsa hoje: Ibovespa fecha em alta e atinge os 130 mil pontos após alívio em Wall Street; dólar sobe a R$ 4,93

21 de fevereiro de 2024 - 7:24

RESUMO DO DIA: Até poucos minutos antes do fechamento dos mercados, era quase certo que a sessão desta quarta-feira (21) terminaria tingida de vermelho. Mas nos 45 minutos do segundo tempo, a bolsa brasileira conseguiu inverter a trajetória e marcar um tímido avanço. O Ibovespa encerrou em leve alta de 0,09%, aos 130.031 pontos. Por […]

O CÉU É O LIMITE

Ouro a US$ 3 mil? Essa realidade está próxima, segundo um bancão de Wall Street — e o Brasil tem “culpa” nisso

20 de fevereiro de 2024 - 18:59

O Citi analisou o mercado global e aponta os gatilhos para que o metal precioso suba 50% em cerca de um ano e o petróleo volte para os três dígitos

QUE HORAS ELE VOLTA?

Fim da seca de IPOs na B3 é questão de tempo, diz Anbima. Mas o que adiou a retomada das aberturas de capital?

20 de fevereiro de 2024 - 17:25

Queda da Selic favorece a volta dos IPOs na bolsa, mas juro nos EUA retardou movimento, de acordo com a Anbima, associação das instituições do mercado de capitais

VOTO DE CONFIANÇA?

Bradesco (BBDC4): por que este banco estrangeiro deixou de recomendar a venda das ações

20 de fevereiro de 2024 - 10:38

Ações do Bradesco (BBDC4) acumulam queda de 18% desde a divulgação dos resultados do quarto trimestre, com números muito abaixo da expectativa do mercado

MERCADOS HOJE

Bolsa hoje: Ibovespa ignora Wall Street e fecha em alta mesmo sem trégua de Vale (VALE3) e Petrobras (PETR4); dólar cai a R$ 4,93

20 de fevereiro de 2024 - 7:19

RESUMO DO DIA: A bolsa brasileira conseguiu manter abafados os ruídos externos e fechou a terça-feira (20) nas alturas, mesmo com os mercados internacionais encerrando o pregão sem uma direção única.  Por aqui, o pregão foi marcado por uma queda consistente das ações da Petrobras (PETR3;PETR4) e da Vale (VALE3), que limitaram os ganhos da […]

HORA DE COMPRAR

BTG vê crescimento no lucro “garantido” para esta incorporadora e eleva recomendação das ações

19 de fevereiro de 2024 - 12:46

Analistas projetam aumento de impressionantes 52% no lucro por ação neste ano, com avanço das receitas e das margens

MERCADOS HOJE

Bolsa hoje: Ibovespa vai às máximas e termina sessão aos 129 mil pontos, impulsionado por Petrobras (PETR4) e bancos; dólar cai a R$ 4,96

19 de fevereiro de 2024 - 7:39

RESUMO DO DIA: O pregão desta segunda-feira (19) foi marcado pela liquidez reduzida nos mercados globais. Sem Wall Street como apoio, a bolsa brasileira teve uma sessão morna até as últimas horas de negociação. Afinal, no exterior, o feriado do Dia do Presidente nos Estados Unidos manteve as bolsas de valores norte-americanas fechadas. Na Europa, […]

REPORTAGEM ESPECIAL

O que deu errado para a Lojas Renner (LREN3) na era ‘pós-Galló’? Depois de ‘tempestade perfeita’, varejista busca novos caminhos em 2024

19 de fevereiro de 2024 - 6:21

Em meio a aumento da concorrência, juros em alta, pandemia e erros de execução, ação da Lojas Renner (LREN3) poucas vezes esteve tão barata aos olhos do mercado

ANOTE NO CALENDÁRIO

Agenda econômica: Balanços do Nubank (NUBR33) e Vale (VALE3) movimentam semana com feriado nos EUA e Japão; veja destaques dos próximos dias

19 de fevereiro de 2024 - 5:55

Também fica no radar a divulgação da ata da mais recente reunião do Fomc, o Copom americano, que deve trazer a visão do Federal Reserve para o futuro dos juros locais

Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies