🔴 ALGORITMO MOSTRA COMO BUSCAR ATÉ R$ 3 MIL POR DIA – CONHEÇA

Liliane de Lima
É repórter do Seu Dinheiro. Jornalista formada pela PUC-SP, já passou pelo portal DCI e setor de análise política da XP Investimentos.
BOLSA NA SEMANA

Cemig (CMIG4) despenca 20% com risco de federalização, enquanto CSN (CSNA3) salta com recomendação — veja o que foi destaque na bolsa na semana

Ibovespa acumulou alta menor do que 1%, mas registrou quinta semana consecutiva de ganhos; dólar perde força

Liliane de Lima
25 de novembro de 2023
10:11
NÃO USAR ibovespa mercado CVC

Com a ausência de indicadores econômicos, a penúltima semana de novembro foi marcada pela tramitação de pautas econômicas em Brasília, mais uma vez — e o Ibovespa reagiu.

Veto presidencial à desoneração da folha de pagamentos, a aprovação da proposta que trata de fundos exclusivos e de offshore em comissão no Senado Federal e as negociações para a votação da Lei das Diretrizes Orçamentárias (LDO) foram os principais focos de atenção dos investidores.

As "surpresas" desta semana ficaram por conta das estatais. A eventual federalização das empresas mineiras Cemig (CMIG4) e Copasa (CSMG3) surgiu como uma "solução" para equacionar a dívida bilionária de Minas Gerais com a União.

A Petrobras (PETR4) apresentou o plano estratégico para o período entre 2024 e 2028, com a previsão de US$ 102 bilhões em investimentos nos próximos cinco anos.

A companhia de saneamento básico de São Paulo, Sabesp (SBSP4), teve o aval das comissões da Assembleia Estadual do Estado (Alesp) para prosseguir no processo de privatização da companhia.

Nos Estados Unidos, o documento mais aguardado do mercado foi divulgado. A ata da mais recente reunião do Federal Reserve (Fed) reforçou a perspectiva de que a porta segue aberta para novas elevações de juros na maior economia do mundo. E, pior: nem colocou em discussão a possibilidade de cortar a taxa referencial no curto prazo.

Ao longo da semana, a liquidez dos mercados foi enxugada pelo feriado do Dia de Ações de Graças, que paralisou as operações dos índices de Wall Street na quinta-feira (23) e encurtou o pregão da sexta-feira (24).

Em cinco dias de pregão, o Ibovespa acumulou ganhos de 0,60% e atingiu a sequência de cinco semanas consecutivas de avanço.

O dólar fechou a semana a R$ 4,8984 com baixa de 0,15%, no mercado à vista.

Confira a seguir as maiores altas e quedas do Ibovespa entre 20 e 24 de novembro:

Sobe do Ibovespa

Na ponta positiva do Ibovespa, CSN (CSNA3) voltou "a brilhar" — e não foi só por conta do desempenho do minério de ferro.

A companhia acumulou alta de mais de 10% após o Bank of America (BofA) reavaliar as recomendações para o setor de mineração e siderurgia.

O banco elevou a recomendação dos papéis da empresa para compra. Vale (VALE3) e Usiminas (USMI5) também tiveram a revisão positiva.

A mudança veio na esteira da previsão de que o minério de ferro pode subir e tocar os US$ 150 a tonelada no primeiro trimestre de 2024 diante da perspectiva de que as usinas possam ser forçadas a entrar no mercado devido aos baixos estoques.

Bradesco (BBDC4) pegou os acionistas de surpresa. Na quinta-feira (23), o banco anunciou a saída de Octavio de Lazari Junior do cargo de CEO. Agora, Marcelo Noronha é quem ficará no comando da instituição financeira.

Além de "inusitada", a mudança foi considerada e refletiu no avanço das ações do banco no Ibovespa.

Confira as dez maiores altas da semana:

CÓDIGONOMEULTVARSEM
MRFG3Marfrig ONR$ 9,1210,95%
CSNA3CSN ONR$ 15,6210,16%
IRBR3IRB Brasil ONR$ 46,799,07%
CVCB3CVC ONR$ 3,337,07%
JBSS3JBS ONR$ 22,976,15%
SBSP3Sabesp ONR$ 68,315,64%
CRFB3Carrefour Brasil ONR$ 11,225,15%
NTCO3Natura ONR$ 16,035,05%
RAIZ4Raízen ONR$ 3,744,76%
BBDC4Bradesco PNR$ 16,164,73%

Desce da bolsa

Com o risco de federalização, Cemig (CMIG3) liderou as perdas do Ibovespa, com queda superior a 20% na semana.

Casas Bahia (BHIA3) também recuou significativamente com o rebaixamento na nota de crédito da companhia pela S&P Global Ratings.

A agência de classificação de risco revisou de brA- para brBB-, em escala nacional. Segundo a S&P, os números do terceiro trimestre reportados pela varejistas deste ano indicam que as métricas de crédito que eram esperadas anteriormente não devem ser atingidas. 

Ainda em reação à reavaliação do BofA sobre o setor de mineração e siderurgia, Gerdau (GGBR4) e Metalúrgica Gerdau (GOAU4) aparecem entre as maiores baixas do principal índice da bolsa brasileira na semana. As ações das companhias foram pressionadas pelo rebaixamento de recomendação de compra para neutro.

Confira as maiores quedas da semana no Ibovespa:

CÓDIGONOMEULTVARSEM
CMIG4Cemig PNR$ 10,56-21,02%
MGLU3Magazine Luiza ONR$ 1,99-10,36%
MRVE3MRV ONR$ 9,55-10,33%
SLCE3SLC AgrícolaR$ 36,00-7,50%
PCAR3GPA ONR$ 3,56-7,29%
GOAU4Metalúrgica Gerdau PNR$ 10,44-7,28%
GGBR4Gerdau PNR$ 22,32-7,15%
BHIA3Casas Bahia ONR$ 0,53-7,02%
PETZ3Petz ONR$ 4,00-6,10%
LWSA3Locaweb ONR$ 5,77-5,72%

Compartilhe

FECHAMENTO DO MERCADO

Dólar supera os R$ 5,46: por que a moeda norte-americana voltou a subir e fechou no maior nível em quase dois anos

20 de junho de 2024 - 17:34

O dólar abriu o dia em queda, mas o alívio pós-decisão do Copom durou pouco e a moeda emendou o quinta pregão consecutivo de ganhos

GESTORAS

Studio Investimentos muda gestão de fundo após queda acumulada de mais de 30% no ano

20 de junho de 2024 - 16:57

A saída aconteceu pela necessidade de “alterar e reforçar a gestão” da família de fundos da casa, de acordo com a Studio, que tem R$1 bilhão sob gestão

(MAIS) DINHEIRO NO BOLSO

Os dividendos deste fundo imobiliário com mais de 40 mil cotistas devem subir nos próximos meses, segundo os cálculos da gestão

20 de junho de 2024 - 15:07

O SNCI11 já pagará proventos cerca de 5% maiores neste mês e, com um novo cenário macroeconômico traçado pelo mercado, a gestão espera dividendos ainda maiores

LADEIRA ABAIXO

Ações da rede social de Trump chegam a cair 15% hoje — o que explica a queda livre dos papéis?

20 de junho de 2024 - 14:11

A empresa que controla Truth Social perdeu US$ 2 bilhões em valor desde o início do mês; entenda o que está acontecendo com os papéis

AS QUERIDINHAS DA BAIXA RENDA

Cinco fatores por trás do otimismo com as ações de Direcional (DIRR3) e Cury (CURY3) — e qual delas é a favorita do Itaú BBA

20 de junho de 2024 - 13:21

O banco de investimentos revisou as suas estimativas para ambas as companhias e reforçou a visão positiva para o setor

MERCADOS HOJE

Lula não gostou, mas o mercado sim: após decisão de manter Selic em 10,5% e comunicado duro, Ibovespa salta 1% hoje

20 de junho de 2024 - 12:15

No mesmo horário, o dólar à vista era negociado próximo da estabilidade, ainda na faixa de R$ 5,40, reagindo ao cenário internacional

REPORTAGEM ESPECIAL

Taesa (TAEE11) e ISA Cteep (TRPL4): por que parte do mercado aposta na queda das ações preferidas dos “caçadores de dividendos”

20 de junho de 2024 - 6:18

Duas das principais transmissoras de energia do País, Taesa e ISA Cteep vêm recebendo desde o ano passado recomendações de “venda” de analistas

MOEDA EM ALTA

Não para de subir: dólar salta para R$ 5,47 hoje — e desta vez, o responsável não é (só) Lula

19 de junho de 2024 - 11:46

O feriado nos Estados Unidos reduziu a liquidez do dia, contribuindo com a volatilidade, além da aversão ao risco em relação à expectativas com o fim da reunião do Copom

DESTAQUES DA BOLSA

Ações de desenvolvedora imobiliária disparam mais de 5% na bolsa após contratação de banco para venda de ativos, incluindo hotéis em SP

18 de junho de 2024 - 11:22

A HBR Realty contratou o Bradesco BBI para ajudar na execução da estratégia de reciclagem de ativos da companhia

DE OLHO NAS REDES

O Brasil não tem condições para uma Selic de um dígito em 2024: por que este estrategista acredita ser impossível juros abaixo de 10% em 2024

17 de junho de 2024 - 16:41

Com a próxima reunião do Comitê de Política Monetária (Copom) se aproximando, o mercado parece está cada vez menos esperançoso sobre os cortes na taxa básica de juros, a Selic. Para Rogério Benevente, sócio da GWM Investments e convidado desta semana do podcast Touros e Ursos, “é impossível pensar numa Selic abaixo de 10% em […]

Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies

Continuar e fechar